No mês passado, a fabricante Xiaomi revelou o tablet Mi Pad 2, com tela de 7,9 polegadas, 16 GB de armazenamento e sistema operacional Android com a interface MIUI 7. O produto chegou ao mercado chinês custando 999 Yuan (cerca de R$ 602). Na manhã de ontem, às 10 horas em ponto no horário de Pequim, a empresa abriu as vendas de uma variante do aparelho com 64 GB de espaço e o estoque inteiro foi comercializado antes de o relógio marcar 10h01.

O modelo com quatro vezes mais espaço que o original foi vendido por 1299 Yuan (cerca de R$ 783,4). Além do maior armazenamento, outro diferencial em relação à versão de 16 GB é a possibilidade de escolher se o aparelho vem de fábrica com o sistema operacional Android ou Windows 10. Algumas reclamações foram feitas na página oficial do tablet na rede social chinesa Weibo a respeito de problemas no processo de pagamento.

No entanto, a única solução para esses casos será aguardar a empresa produzir uma nova remessa do dispositivo, mas não há ainda uma data definida para que uma nova leva da versão maior do tablet seja comercializada. Sobre isso, há quem possa dizer que a Xiaomi encomendou uma quantidade muito baixa do produto, mas a empresa não divulgou qual a quantidade exata de peças foram postas à venda. De qualquer forma, a venda relâmpago do Mi Pad 2 de 64 GB certamente é algo positivo para a companhia.

Especificações técnicas

  • Sistema operacional: Android 5.1.1 ou Windows 10
  • Tela: IPS de 7,9" (2.048 x 1.536 pixels)
  • Processador: Intel Atom X5-Z8500 quad-core de 2,24 GHz
  • GPU: Intel HD Graphics
  • Memória RAM: 2 GB
  • Armazenamento interno: 16 GB ou 64 GB
  • Câmera: 8 MP (traseira) e 5 MP (frontal)
  • Bateria: 6.190 mAh
  • Entradas e conectividade: WiFi 802.11 a/c, USB Type-C, Bluetooth 4.1

O que você achou das especificações do Mi Pad 2? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: