De acordo com o Digitimes, três grandes companhias chinesas devem começar uma produção própria de processadores ARM: ZTE, Xiaomi e Lenovo. O relato vem após o governo chinês injetar US$ 73,8 milhões na ZTE para acelerar o desenvolvimento de tecnologias nacionais.

Enquanto a companhia recebe ajuda do governo, a Xiaomi está firmando uma parceria com a Leadcore Technology. Os frutos do acordo devem ser vistos nos smartphones lançados em 2016. Já a Lenovo, segundo os rumores, já iniciou a produção de chips ARM.

A Huawei, outra gigante chinesa, também já está na ativa: com o Mate 8, lançado hoje, a fabricante traz ao mercado o Kirin 950, que vai bater de frente com as soluções da Qualcomm, o Snapdragon 820, e da Samsung, a série Exynos.

Qual é a melhor fabricante chinesa de smartphones? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: