Uma das principais fabricantes de aparelhos eletrônicos do mundo, a Xiaomi deve aportar oficialmente no Brasil em questão de pouco tempo. Segundo informações divulgadas pelo site Focus Taiwan, a empresa chinesa deve fazer do país seu nono mercado a partir do terceiro trimestre fiscal de 2015.

A chegada da companhia tem como objetivo expandir sua participação na América Latina. Ao menos inicialmente, a empresa deve atuar na venda online de seus principais dispositivos e acessórios, tal como faz na China, Taiwan, Hong Kong, Cingapura, Malásia, Indonésia, Filipinas e Índia.

A Xiaomi também considera iniciar a produção local de smartphones, algo que pode acontecer até mesmo dos planos já anunciados para a China. “Você não pode entrar no mercado brasileiro sem a produção local porque não é possível importar telefones, a taxa é muito alta. O sistema é feito para forçar todos a fabricarem localmente, então temos que ceder a isso”, afirmou o vice-presidente da companhia, Hugo Barra.

A empresa já possui representação no Brasil, tendo aberto seu primeiro escritório em São Paulo em agosto de 2014. Avaliada em US$ 46 bilhões, a companhia espera vender 100 milhões de aparelhos em 2015, um aumento considerável em relação às 61 milhões de unidades registradas no ano passado.

Cupons de desconto TecMundo: