A Xiaomi anunciou oficialmente nesta terça-feira (25) seu novo esforço no campo dos headsets de realidade virtual. Enquanto competidores como Samsung, Sony, HTC e Oculus apostam em aparelhos e caros, a companhia chinesa espera conquistar os consumidores pelo bolso: já disponível na China, o Mi VR custa o equivalente a somente R$ 90.

Com um visual que lembra bastante o do PlayStation VR, o dispositivo possui um sensor de movimento e um controle de movimentos baseado em nove eixos. Assim como acontece com o Gear VR, o gadget depende de um smartphone para funcionar corretamente, sendo que somente uma quantidade limitada de opções tem compatibilidade.

O gadget tem como principal destaque seu preço

O headset só é compatível com uma seleção limitada de smartphones da Xiaomi

Para aproveitar o que o Mi VR tem a oferecer será preciso possuir o Mi Note 2, o Mi 5s, o Mi 5s Plus ou o Mi 5, algo que ajuda a elevar consideravelmente o preço de entrada. Infelizmente, não há sinais de que o produto vá ganhar compatibilidade com gadgets desenvolvidos por outras empresas, o que diminui substancialmente as chances de que o novo headset se popularize no Ocidente.

Cupons de desconto TecMundo: