Com o anúncio do Windows 10 e o sepultamento do Windows XP, era de se esperar que o mercado reagisse de alguma forma às novidades da Microsoft. E as coisas parecem estar indo muito bem para o sistema operacional mais popular do mundo, com destaque para as novas versões do SO que ganharam espaço no segmento.

Segundo os dados do NetMarketshare, o Windows 8 e 8.1 chegaram a marca de 16,80% do fatia do mercado no final de outubro, o que indica um aumento significativo se considerarmos os 12,26% obtidos no mês anterior.  Só o Windows 8.1 passou de 4,25% para 10,92%, enquanto a versão anterior experimentou um aumento mais tímido.

O Windows 7, edição mais popular do sistema operacional da Microsoft, ainda reina com uma boa margem obtendo 53,05% do total do segmento. Apesar do aumento pouco expressivo no último mês (apenas 0,34%) o software experimentou um crescimento significativo durante o ano todo, começando, em janeiro, com 47,49%. E isso que o SO já tem 5 anos de existência.

Porém, os programas da Microsoft também sofreram algumas perdas – o que, nestes casos, não significa, necessariamente, algo ruim. O Windows Vista caiu 0,25 pontos, alcançando a marca de 2,82%. Mas a queda mais expressiva foi constatada com o Windows XP, caindo impressionantes 6,69 pontos e alcançando, pela primeira vez em uma década, uma fatia de mercado abaixo dos 20%: 17,18%.

Caindo!

Outra perda que a Microsoft sofreu, apesar de praticamente insignificante, foi na sua participação total no segmento de sistemas operacionais. Caiundo 0,45 pontos, os Windows dominou com 91,53% do mercado. O Mac OS e o Linux caíram, respectivamente, 0,67 e 0,23 pontos, atingindo 7,05% e 1,41% do segmento.

E os navegadores?

Com essa mudança de edições do Windows, era natural que alguma alteração no mercado de navegadores também fosse perceptível. E foi: o Internet Explorer 11 finalmente ultrapassou a versão 8 como mais popular entre as opções oferecidas pela Microsoft. E o aumento foi expressivo: de 17,13% para 25,05%. O Internet Explorer 8 caiu de 22,25% para 17,31%.

No geral, o browser nativo do Windows acumula um total de 58,49% do segmento, enquanto o Chorme conta com 21,25% e o Firefox com 13,9%. Os dados referentes aos navegadores também foram fornecidos pelo NetMarketshare.

Cupons de desconto TecMundo: