Até antes do lançamento oficial do Windows 7, quando ele ainda estava em versões Release Candidate, o reprodutor multimídia padrão do sistema era o Windows Media Player 11, o mesmo que pode ser utilizado por qualquer computador que possua o Windows Vista instalado no disco rígido.

Mas para quem utiliza o Windows 7 na versão definitiva, o reprodutor padrão de áudio e vídeo é o Windows Media Player 12, exclusivo para o sistema operacional mais moderno da Microsoft. Esta nova versão trouxe vários novos recursos, como a permissão para adição de músicas por meio do mecanismo de arrastar e soltar.

Este novo player também permitiu que os usuários criassem dois novos modos de listas de reprodução. Podem ser criadas listas automáticas ou personalizadas, ambos os modelos permitem que as músicas favoritas sejam adicionadas e tocadas numa sequência interessante, podendo durar até dias, dependendo do número de arquivos que o usuário possuir.

Windows Media Player

Se você gostou da ideia de possuir listas completas e já possui o Windows Media Player 12 instalado, confira agora dicas de como criar rapidamente as sequências de arquivos para serem reproduzidos pelo software. As dicas funcionam também para o Windows Media Player 11, mas com algumas diferenças que serão citadas no decorrer do texto.

Pré-requisitos

É necessário possuir instalado no seu computador o Windows Media Player 12 ou o Windows Media Player 11 - se você possui o Windows 7, já tem o WMP12 instalado. Se o seu computador é operado pelo Windows Vista, baixe agora o WMP11.

Windows Media Player 11

Listas de reprodução

Há vários métodos que podem ser utilizados para a criação de listas de reprodução personalizadas nos Windows Media Player 11 ou 12. O mais clássico de todos é também o mais simples: selecione todas as músicas que deseja reproduzir e então pressione a tecla Enter. Caso queira adicionar mais músicas, repita o processo, mas pressione junto à tecla Enter, a tecla Shift.

Criar lista de reprodução

A partir da interface do próprio WMP você pode importar as músicas de mais alguns modos. Com a biblioteca de músicas aberta, é só clicar com o botão direito do mouse sobre alguma das canções e então escolher a opção “Adicionar à lista de reprodução”. Utilizando o recurso “arrastar e soltar” o resultado é o mesmo.

Arrastando músicas para as listas

Quando todas estiverem salvas na lista de reprodução do player, é hora de ordenar as músicas listadas da maneira que for mais viável. Clique sobre o botão representado pelo nome da lista e procure “Classificar por”. Há opções que priorizam artistas, títulos, data de lançamento e algumas outras, como ouvir em ordem aleatória.

Classificando as listas

Ao final é sempre importante salvar a lista de reprodução para poder ouvi-la sempre que desejar.

Listas de reprodução automáticas

Se você não quer adicionar música por música até ter a lista de reprodução da maneira que deseja, pode criar listas automáticas apenas definindo filtros e critérios para a filtragem dos arquivos que serão tocados.

Abra a aba “Biblioteca” e no WMP12 siga o caminho Lista de reprodução > Criar lista de reprodução automática. No WMP11 o processo é parecido, mas você deve clicar com o botão direito do mouse sobre o atalho “Listas de reprodução” para acessar a opção de criação de listas automáticas.

Listas automáticas

Com a nova janela aberta, a primeira coisa que deve ser feita é a identificação da lista, para que ela seja acessada a qualquer momento. Isso evita a necessidade de criar uma nova lista com os mesmos critérios a cada nova utilização.

Há vários critérios na lista, todos podem ser modificados. Por padrão, as músicas da biblioteca são adicionadas à fila de reprodução. E, ao clicar sobre o sinal de “+” logo abaixo de “Música em minha biblioteca”, podem ser colocados vários filtros relacionados ao estilo musical, artista, álbum e tantos outros.

Adicionando critérios às buscas

Em “E também inclua” podem ser colocados mais outros artistas e outros álbuns por exemplo. Pois essa é a opção que garante a soma de itens à lista de reprodução. “E aplique as seguintes restrições à lista de reprodução automática” limita a lista a X MB ou GB, Y horas ou dias de reprodução ou ainda ao número de músicas ou vídeos.

Tantas quanto quiser

O melhor de possuir listas é que você pode criar quantas quiser, além de adicionar músicas a várias delas. Crie uma lista para dias alegres, uma para dias tristes, uma para os artistas favoritos, uma para cada tipo de demanda. São as facilidades que o player mais utilizado no mundo garante aos usuários.

Você já conhecia estes recursos apresentados? Acha que eles tornam a experiência musical ainda mais completa? Conte para o Portal Baixaki como as listas de reprodução facilitam a sua vida na hora de ouvir música no computador.

Cupons de desconto TecMundo: