Apresentação da arquitetura Haswell (Fonte da imagem: Reprodução/Venture Beat)

A nova arquitetura Haswell desenvolvida pela Intel para a sua próxima família de processadores deve contar com um reforço de peso já em seu lançamento: o também novíssimo Windows Blue, versão otimizada do Windows 8. Ambos devem chegar juntos ao mercado já no próximo mês de junho – e ambas as empresas prometem boas novidades.

Segundo apurou o CNet, as duas gigantes da tecnologia estão trabalhando juntas para trazer na metade do ano alguns produtos com os dois lançamentos. Tanto o Windows blue quanto os Haswell devem aparecer em diversas novas linhas de ultrabooks e aparelhos híbridos que misturem tablets e notebooks.

Mais rápido, mas com menor consumo

Um dos principais objetivos da nova arquitetura desenvolvida pela Intel é diminuir gasto energético do processador. Segundo o CEO da Intel, Paul Otellni, essa é a maior revolução de uma geração para a outra quando o assunto é a diminuição no consumo de energia. Isso, é claro, tratando somente dos produtos da empresa.

Windows Blue deverá ter custo mais baixo e atualizações anuais(Fonte da imagem: Reprodução/BGR)

Para aproveitar todo esse potencial, a Intel procurou a Microsoft, que deve otimizar o Windows Blue para os gadgets que vierem com o novo processador. A fonte do CNet “entregou” algumas informações sobre o desenvolvimento e cita que “você poderá comprar um ultrabook extremamente rápido, mais veloz que um computador com um processador Ivy Bridge – mas com bateria bem mais longa”.

Para isso, diversos fatores dentro do sistema operacional deverão colaborar. O CPU Haswell, junto com o Windows Blue, poderá proporcionar uma evolução do “standby”. Algo como se quando o computador entrasse em “Repouso”, ele continuasse conectado com ferramentas como o email e as redes sociais, mantendo tudo atualizado e sem a necessidade de você ter que explorar a internet atrás dessas informações, por exemplo.

Cupons de desconto TecMundo: