Na última quarta-feira (13 de abril), aconteceu um dos vazamentos de software mais aguardados de 2011. Com toda a expectativa em torno do novo sistema operacional da Microsoft, não é difícil encontrar serviços de compartilhamento e fóruns de discussão com links para baixar o tão aguardado Windows 8.

Porém, quem espera ter um sistema completo à disposição vai ficar decepcionado: o que vazou foi somente uma versão de testes, batizada como Milestone 1 e com a build 7850. Vale lembrar que o sistema operacional preliminar que vazou já é bastante antigo e não apresenta muitas das novidades divulgadas nos últimos meses.

Ciente dessa condição, o Tecmundo testou o arquivo vazado na internet e lista as principais novidades detectadas na build preliminar do Windows 8. Confira abaixo a análise e, depois da leitura, não deixe de registrar sua opinião em nossa seção de comentários.

Semelhanças com o Windows 7

A primeira coisa que fica evidente na versão de testes do Windows 8 é que a versão anterior do sistema operacional serve como base para todas as funções disponíveis – até mesmo durante a instalação o software é apresentado como sendo o Windows 7 Enterprise.

Durante o processo, surge a opção de fazer upgrade em relação ao sistema já instalado na máquina ou configurá-lo de forma independente – opção escolhida durante a análise. Ao todo, demorou cerca de 20 minutos para que o sistema operacional estivesse totalmente configurado e operante.

Ao acessar a Área de trabalho pela primeira vez, a impressão que fica é a de que o arquivo vazado não é o Windows 8. A única pista de que o software é realmente a versão de testes do sistema operacional é o papel de parede, em que a já conhecida frase “Shhh... let’s not leak our hard work” (Não vamos vazar nosso trabalho duro) aparece em destaque.

A semelhança permanece durante a navegação pelos menus, que mostram as mesmas funções que a versão anterior. Porém, algumas funções estão ausentes, caso dos jogos e alguns recursos administrativos. O destaque fica pela presença do Internet Explorer 9, que garante acesso facilitado à internet.

Novidades discretas

A principal diferença notada na build 7850 em relação ao Windows 7 é a presença da imagem de exibição do usuário ativo no canto direito da Barra de tarefas. Ao clicar sobre ela, surge uma janela na qual estão disponíveis opções como acessar o Painel de Controle, fazer logoff ou bloquear a máquina.

Além disso, é possível mudar de forma fácil o visual do sistema operacional através da opção “My Look” (Meu visual), que garante acesso instantâneo à galeria de imagens padrão do Windows. Quem quiser conferir o recurso em detalhes pode fazer isso através do programa Taksbar UserTile, que reproduz de maneira fiel a novidade.

Outro aspecto interessante, que não pode ser considerado exatamente uma novidade, é a mensagem que surge na Área de trabalho após acessar o Painel de Controle pela primeira vez.

O texto, escrito em tom bastante sério, alerta que qualquer um responsável por vazar informações da versão de testes terá o contrato de trabalho imediatamente encerrado e será responsabilizado legalmente pelo ocorrido – prova do empenho da Microsoft em manter seu novo sistema operacional em segredo.

Características típicas de uma versão de testes

Como todo software em fase preliminar de testes, a sensação que fica ao testar o Windows 8 Milestone 1 é de um produto ainda incompleto. Isso fica evidente pela falta de recursos padrões do Windows 7, além de diversos atalhos que levam a pastas vazias ou são meras repetições de outras opções.

Porém, quem está acostumado com o sistema operacional da Microsoft vai ficar feliz em saber que a compatibilidade com peças de hardware e softwares é mantida. Caso o programa seja capaz de rodar no Windows 7, não deve ter problemas com esta versão preliminar.  Aplicativos básicos como o Flash Player, por exemplo, foram adicionados sem qualquer problema, assim como programas responsáveis pela captura de vídeos.

Ao final dos testes, a sensação que fica é exatamente a mesma de usar o Windows 7. A versão de testes funciona de forma bastante estável e raramente apresenta problemas que vão além da incompatibilidade com alguns recursos. O único aspecto que realmente decepciona é a falta de muitas das novidades de interface divulgadas em imagens recentes.

Software em fase inicial

Caso esteja curioso para conferir em primeira mão as novidades do Windows 8, a versão Milestone 1 infelizmente não é capaz de corresponder às expectativas criadas nos últimos meses. Apesar de o sistema operacional atuar de forma estável, fica evidente que ele ainda está em fase bastante inicial de desenvolvimento.

Isso pode ser justificado pela tradição da Microsoft em aplicar mudanças de interface somente nas etapas finais de desenvolvimento. Assim, resta aguardar o surgimento de versões de teste mais recentes que ofereçam uma ideia mais clara do visual final do sistema operacional. Do jeito que está agora, só vale correr atrás do arquivo vazado caso você seja um verdadeiro aficionado pelos produtos da Microsoft.

Cupons de desconto TecMundo: