(Fonte da imagem: Reprodução/Revolução Digital)

A versão final do Windows 8.1 já está disponível e é difícil encontrar quem não tenha a mínima curiosidade de conhecer as principais características do sistema operacional. Contudo, muitas pessoas ainda têm medo de atualizar seu computador ou migrar de uma versão mais antiga do SO – como o Windows 7 ou até mesmo o saudoso Windows XP.

Nesse caso, a solução mais prática é instalar o sistema em uma máquina virtual. Caso você ainda desconheça o termo, tome nota: estamos falando basicamente de um programa que emula um computador inteiro e permite que você execute um sistema operacional dentro do outro, algo útil sobretudo para quando você quiser testar algum aplicativo de “alto risco” para seu PC.

Embora pareça uma tarefa complicada, configurar e rodar uma máquina virtual é algo muito simples e rápido. Acompanhe as etapas listadas abaixo e não deixe de experimentar tudo o que o Windows 8.1 tem a oferecer.

Você vai precisar de:

1) Configurando o VirtualBox

O primeiro passo é instalar o Oracle VM VirtualBox no seu computador e executá-lo para que possamos dar início às configurações. Na tela inicial do utilitário, clique no botão “Novo” e, na janela que se abre, dê um nome para a sua rdiovirtual. Nesta etapa, também é necessário selecionar o tipo do sistema operacional que será usado (neste caso, utilize “Microsoft Windows”) e a respectiva versão (“Windows 8”, 32 bits ou 64 bits).

Em seguida, informe a quantidade de memória que será alocada para a máquina virtual. Defina 1 GB (1024 MB), pois é mais do que o suficiente para o que nós queremos. Na tela seguinte, selecione a opção “Criar um disco rígido virtual agora”, opte por criar um HD do tipo “VDI” e informe que o armazenamento será “Dinamicamente Alocado”. Basta selecionar as caixas de seleção referentes a essas alternativas.

O programa perguntará o tamanho do disco rígido virtual que será criado. Uns 25 GB bastam. Por fim, clique em “Criar” para que o VM VirtualBox finalize a configuração de sua máquina virtual. Agora já podemos prosseguir.

Ampliar

2) Instalando o Windows 8

Como o Windows 8.1 ainda não é distribuído via ISO ou através de DVDs oficiais, será necessário instalar primeiro o Windows 8 tradicional para só então atualizá-lo para a versão mais recente do sistema. Na tela inicial do VM VirtualBox, selecione a máquina virtual recém-criada e clique no botão “Iniciar”. É neste momento que você deve abrir o arquivo ISO ou a mídia de instalação do Windows 8 (ela já deve estar inserida no seu leitor de DVDs) para que o utilitário inicie a instalação.

Você pode conferir aqui o processo de instalação do Windows 8 em detalhes. Vale lembrar que, neste caso, você precisará de uma chave de produto para ativar o SO com sucesso.

3) Atualizando para o Windows 8.1

Depois de ter instalado o Windows 8 na sua máquina virtual com sucesso, basta atualizá-lo para o Windows 8.1 e se divertir com seu novo sistema operacional. A maneira mais simples é através da própria Loja (Windows Store); basta visitar este link e clicar no botão “Baixe o Windows 8.1”. O aplicativo da Loja abrirá automaticamente para você possa começar o download gratuito (cerca de 3,6 GB).

Não se preocupe: você pode interromper o download quando quiser e retomá-lo mais tarde. Assim que o arquivo for baixado, você será avisado de que o PC deverá ser reiniciado em breve para que a atualização seja instalada. De fato, a máquina virtual precisará ser reiniciada diversas vezes até que o processo de instalação seja finalmente concluído. Agora, basta aproveitar todas as funcionalidades que o SO tem a oferecer!

Cupons de desconto TecMundo: