Um dos pontos que a Microsoft quis proteger quando lançou o Windows 8 foi a sua loja de apps. Muitos desenvolvedores reclamaram de possíveis obstáculos que ela traria, mas a empresa sempre quis um ambiente seguro para vender aplicativos que rodariam sem problemas no novo sistema operacional. Agora, uma brecha de segurança põe em risco a credibilidade da loja.

Justin Angel, um engenheiro da Nokia que trabalha no Windows Phone, mostrou o quão frágil é a segurança da loja do Windows 8, exibindo como é fácil transformar aplicativos disponíveis para testes em versões Full. Ele também revelou em seu site como desativar anúncios em apps e até instalar um código de Javascript para desbloquear fases no jogo Cut the Rope.

Alterando arquivos do computador e modificando setores do registro do Windows 8, o engenheiro conseguiu desbloquear jogos e outros aplicativos da loja. Apesar de não ser um processo muito simples para o usuário comum do sistema operacional, as travas de segurança dos apps conseguem ser destravadas de maneira rápida e permanente. 

Para Angel, o fato dos apps trazerem informações criptografadas e armazená-las no computador é uma receita para uma quebra de segurança. Até o momento, a Microsoft não se pronunciou sobre o assunto.

Cupons de desconto TecMundo: