Será que o Steve Ballmer concorda? (Fonte da imagem: Reprodução/BGR)

Para avaliar o sentimento do mercado com relação à chegada do Windows 8, a consultoria Topeka Capital enviou o analista Brian White para conversar com algumas empresas asiáticas que fazem parte da cadeia de suprimentos da Microsoft. O resultado? Bem, de acordo com o que o consultor apurou, as notícias não são boas para a Microsoft.

Segundo as conversas de White com as empresas que estão tendo contato com o Windows 8 (produzindo aparelhos que participarão do lançamento do SO, por exemplo), o sentimento geral é bastante pessimista – e os diretores destas companhias acreditam que a Microsoft encontrará dificuldades com as vendas do seu novo sistema operacional.

A revista Business Insider traz mais informações sobre o caso. De acordo com a publicação, enquanto alguns fabricantes de ultrabooks elegem os custos como principal entrave para o sucesso imediato do SO, outros citam que a evolução das vendas de computadores no fim do ano não deve ser tão significativa como tem sido nos últimos anos.

Por isso, há a expectativa por parte de alguns executivos asiáticos de que o Windows 8 venha a emplacar somente daqui a um ano, ou seja, só apresentaria uma curva de crescimento na segunda metade de 2013 – um período de espera longo demais, mesmo para empresas do porte da Microsoft. 

 Fonte: Business Insider e BGR

Cupons de desconto TecMundo: