Em breve, esta etiqueta poderá deixar de existir (Fonte da imagem: Divulgação Microsoft)

Um novo sistema de ativação para o próximo sistema operacional da Microsoft parece estar causando dores de cabeça para os fabricantes de PCs. A novidade no método inclui a abolição da etiqueta COA, que era colada nos computadores vendidos com o Windows instalado de fábrica.

Em vez disso, a gigante de Redmond criou um novo método em que a chave de ativação fica armazenada na própria BIOS do computador, permitindo que uma verificação rápida de autenticidade para Windows 8 seja feita no momento do boot inicial.

A necessidade de se ativar o sistema operacional online não só continuará a existir, mas também foi aprimorada, dificultando o uso de cópias irregulares do software. Segundo o site DigiTimes, muitos fabricantes expressaram que o novo método fará com que a montagem de cada PC seja mais demorada, exigindo que seja dada atenção para cada máquina individualmente.

Além disso, a etiqueta COA era uma boa forma de se identificar quais computadores na linha de produção receberam sua cópia do SO. Sem ela, haveriam brechas para permitir que o mesmo PC tivesse o Windows instalado duas vezes. Os fabricantes alegam que os custos adicionais causados pela mudança devem ser pagos pela Microsoft, que ainda não se pronunciou sobre o caso.

Cupons de desconto TecMundo: