A Microsoft trouxe de volta o Menu Iniciar no Windows 10, depois de removê-lo completamente no Windows 8 (e de reimplantá-lo no Windows 8.1, mas sem as mesmas características). O novo menu traz algumas mudanças, mas parece que ele não impressionou o criador do botão original, desenvolvido para o Windows 95.

Danny Oran, que também criou a barra de tarefas, pensa que a implementação do novo Menu Iniciar não trouxe nada de novo. Ele expôs sua opinião em uma recente entrevista para o Business Insider e demonstrou descontentamento pelo fato de os elementos da interface do usuário serem tão semelhantes à forma original.

Conceitos do Menu Iniciar para o Windows 95

Menu Sistema

Oran também explicou como desenvolveu o conceito inicial do Menu Iniciar, que era conhecido como “Sistema”. Ele até mesmo demonstrou um esboço visual feito a papel e caneta. Segundo ele, o Windows 8 tentou ser algo novo, e voltar para o tradicional Menu Iniciar no Windows 10 foi um pouco decepcionante.

O desenvolvedor também brincou, ao afirmar que deveria receber royalties pelos últimos 22 anos de desenvolvimento do Windows, já que ele sente que nada mudou no famoso menu. Oran deixou a Microsoft muito antes do lançamento do Windows 95, mas o impacto que ele causou na indústria é relevante, em particular para o grande número de usuários que não conseguem aceitar o Windows sem o Menu Iniciar.

Se você ainda não tem  o Windows 10 e deseja adquirir a nova versão do sistema operacional não perca tempo e clique aqui para comprá-lo diretamente no site da Microsoft.

Cupons de desconto TecMundo: