Deixando cada vez mais clara sua intenção de abandonar o mercado consumidor mais geral para se focar no nicho corporativo, a Microsoft aparentemente começou a eliminar os aparelhos baseados no Windows 10 Mobile de suas lojas nos Estados Unidos. Dessa forma, quem pretende adquirir um Lumia 950 ou 950 XL vai descobrir que essa é uma tarefa que se torna cada vez mais difícil.

Segundo o site MS Power User, o “sumiço” dos smartphones baseados no sistema já foi sentido em locais como Boston e na cidade de Scottsdale, no Arizona. Em ambos os casos, os consumidores relataram que, embora as Microsoft Stores ainda possuam aparelhos Surface e laptops, não havia qualquer sinal da presença de celulares nos locais.

Essa é uma tendência que deve se manter, levando em consideração o fato de que a fabricante encerrou há aproximadamente um mês a produção de novas unidades do Lumia 950 Xl. Somado aos relatos de que a companhia deve abandonar até o final do ano a venda de produtos Lumia, tudo indica que os fãs do sistema operacional mobile devem ficar “órfãos” em questão de pouco tempo.

Embora haja a chance de que a Microsoft vá apresentar em breve o sucessor do Lumia 950 (o mítico Surface Phone), as ações recentes da companhia depõem um pouco contra isso. Assim, se tornam cada vez mais fortes os indícios de que ela deve passar a focar seus esforços no mercado corporativo, no qual ela ainda tem espaço graças a suas soluções de segurança e à integração de seus produtos com softwares como o Office.

Cupons de desconto TecMundo: