A WikiLeaks vem lançando sistematicamente documentos sobre as ferramentas de vigilância utilizadas pela agência de inteligência civil norte-americana CIA via plataforma Vault 7. No último domingo (14), dois novos programas, chamados "AfterMidnight" e "Assassin", foram divulgados pela equipe de Julian Assange.

A WikiLeaks vem mostrando como a CIA pode acompanhar, monitorar e até roubar os dados de alvos

Ambos os programas vazados são malwares que servem para monitorar e reportar ações realizadas em um computador com sistema operacional Windows — a infecção ocorre via acesso remoto.

Especificamente, o programa "AfterMidnight" permite que invasores carreguem e executem uma carga útil maliciosa de maneira dinâmica em um sistema operacional de destino. Assim que ele é instalado em um computador, o malware utiliza um sistema Listening Post (LP) baseado em HTTPS chamado "Octopus" para acompanhar qualquer evento marcado no sistema. Por outro lado, o malware "Assassin" é uma ferramenta que permite aos invasores criar tarefas maliciosas em uma máquina infectada.

AfterMidnight

Cupons de desconto TecMundo: