A Axis Mundi é uma empresa que trabalha na área de entretenimento digital e mobile marketing. Ao lado da ESET, fornecedora de soluções de segurança, ambas as companhias resolveram unir forças para identificar, remover e evitar golpes virtuais em smartphones e tablets causados por cibercriminosos no WhatsApp.

"Esse tipo de prática gera grandes prejuízos para os negócios e para a imagem das empresas e, por esse motivo, as pesquisas realizadas pela ESET América Latina são essenciais para evitar que esses golpes aconteçam. Dessa forma, unir a expertise de todos os envolvidos e trabalhar de forma conjunto é fundamental para a existência de relacionamentos saudáveis, transparentes, eficazes e sustentáveis", comentou Barbara Piotrowski, da Axis Mundi Argentina, sobre a parceria.

Ambas as companhias ainda pretendem ajudar outras empresas que disponibilizam aplicativos ao público. A ideia é identificar práticas fraudulentas e criminosas que utilizem a engenharia social.

"Este tipo de golpe demonstra a importância da conscientização dos usuários como a primeira barreira de proteção. Diante disso, a ESET tem feito um trabalho forte no sentido de educar e alertar os usuários sobre esses golpes, por meio de apps como o WhatsApp", comentou Lucas Paus, especialista em segurança da ESET América Latina.

O que você acha da parceria entre empresas para lutar contra cibercriminosos? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: