É engraçado como tudo atualmente está virando micro. Antigamente existiam computadores enormes, que chegavam a ocupar salas inteiras. À medida que se passaram os anos, de um gigante que só servia para realizar cálculos, os computadores viraram nossa principal ferramenta de trabalho e de contato com o mundo. Da mesma forma que evoluímos dos mega computadores para os micros, os blogs seguiram a mesma tendência e agora estão bem menores.

Tal pai...

O surgimento dos blogs ainda é controverso, porém a hipótese mais aceita é que o primeiro foi feito por Jorn Barger, em 1997. Este também supostamente foi autor dos primeiros FAQ (sigla em inglês de Perguntas Feitas Freqüentemente, em tradução livre).

Os primeiros blogs eram uma mistura de publicações acadêmicas e discussões de pontos de vista sobre vários assuntos. Anteriormente, para se criar um blog era necessário ter conhecimento prévio em desenvolvimento de sites, portanto, na maioria dos casos, só quem possuía intimidade com a área possuía um blog. Com o passar dos anos, o desenvolvimento da Web já não exigia conhecimento específico para construir um blog, desta forma houve um boom deste tipo de site na internet.

Tal filho...

Boca miúda!Mas como tudo tende a virar micro, o tempo das pessoas também virou e, atualmente os blogs vêm perdendo espaço para os microblogs. Este tipo de blog nada mais é do que uma versão mini do blog original, porém com menos recursos e opções de interface. A média de caracteres é de 120 a 180 por post, os quais geralmente não ultrapassam três linhas. Como a manutenção de blogs exige mais dedicação do blogueiro, muitos deles estão recorrendo ao microblogging para não deixar de lado o hobby de compartilhar suas opiniões ou discussões de temas do seu interesse.

O foco principal das mensagens nos microblogs, até então, eram microposts relacionados às atividades diárias dos usuários. O próprio slogan do Twitter (What are you doing?), de longe o serviço mais popular na categoria, se baseia em compartilhar o cotidiano. Porém, alguns blogueiros mais ligados já estão fazendo do microblog uma forma de vitrine para seus blogs. Há ainda quem diga que o microblog pode ser um novo formato de jornalismo, mas a estrada é longa e incerta até lá.

Qual a vantagem dos microblogs?

A facilidade para usar este novo serviço é um ponto positivo, principalmente para quem não dispõe de tempo para incrementar a página com os recursos dos blogs tradicionais, mas adora compartilhar suas idéias. Há atualmente uma grande variedade serviços de microblogging disponíveis na internet.

Mãos nervosas!São vários os sites que oferecem o “blog em miniatura”. O mais popular é o Twitter, criado em 2006 e pioneiro em oferecer este serviço. Se você não quiser usar o mais conhecido, outra opção é o Jaiku, também criado em 2006 e vem se destacando neste segmento, porém para ingressar neste, é necessário possuir um convite. Há mais opções de microblogs espalhadas pela rede como o: Pownce, Plurk, Tumblr, Friendfeed e Identi.ca.

Exercite sua habilidade de dizer muito com poucas palavras, afinal o espaço esta cada mais escasso e caro tanto no mundo virtual quanto no real. De fato, a moda dos microblogs já conquistou seu espaço com poucas palavras, ou melhor, poucos caracteres.

Cupons de desconto TecMundo: