Já falamos sobre o relógio Moov no ano passado e como ele revolucionou o monitoramento físico com dispositivos que podem ser vestidos. Agora, a empresa volta ao mercado para anunciar o Moov Now, um dispositivo muito menor e mais leve que o original.

Além disso, o upgrade na bateria do aparelho é espetacular, visto que, enquanto o Moov Now dura cerca de seis meses, seu antecessor precisava ser recarregado depois de alguns dias.

Entrando em fase final de produção, o novo dispositivo já está disponível para a pré-compra com ótimos descontos. O pacote com uma unidade passa de US$99 para US$59 (aproximadamente 184 reais), enquanto que o pacote com duas unidades sai de US$198 para US$99 (aproximadamente 310 reais).

Disponível nas cores branca ou preta, cada unidade vem com um Moov Now, um carregador, uma presilha de pulso e uma presilha de tornozelo. Vale ressaltar que no momento em que postamos este texto, o site ainda não oferecia o envio do produto para a América do Sul.

Você usaria um relógio para monitorar seus exercícios físicos? Comente no Fórum do TecMundo

Entenda como funciona

Moov Now é um relógio wearable que funciona como um personal trainer virtual. O dispositivo pode medir os passos, os batimentos cardíacos, sugerir exercícios físicos e avaliar a sua postura durante os treinos.

Seu diferencial é que ele não precisa de outro aparelho para oferecer o feedback do exercício ao usuário, funcionando com um software independente que apresenta recursos audiovisuais.

Impermeável, sem usar câmera de vídeo e com um sensor de nove eixos, o Moov ainda é capaz de avaliar a passada do atleta, pedindo via comandos de voz que você reduza a intensidade da corrida, por exemplo. Ele ainda sugere certas horas para começar um exercício aleatório, como fazer barra ou abdominais.

Por exemplo, se você está correndo com um passo muito pesado, o dispositivo oferece dicas para você aterrissar o pé com mais suavidade. Ou ainda, se você está treinando devagar, o Moov Now emite um alerta para aumentar o ritmo.

Cupons de desconto TecMundo: