Um novo dispositivo pode estar prestes a entrar para o segmento dos wearables. Segundo informa o MS Power User, a Microsoft registrou outra patente de um anel vestível capaz de se comunicar não apenas com tablets e híbridos, mas compatível, também, com o HoloLens. O aparelho foi projetado para funcionar como uma “interface de uso natural” (NUI), o que deverá proporcionar ao usuário uma melhor experiência em plataformas até mesmo sem suporte a comandos touch.

A leitura sobre o posicionamento dos dedos seria feita a partir de sensores de giroscópio, de profundidade e infravermelho – este último seria instalado na parte de baixo do anel. Apesar de ser supostamente capaz de atribuir a “função touch” a aparelhos que não contam com telas sensíveis ao toque, o acessório vestível poderá não responder de forma extremamente precisa a comados refinados: especula-se que movimentos muito próximos aos displays talvez não sejam interpretados corretamente.

Seria possível, porém, rolar páginas para baixo com o dedo por meio da operação da seta do mouse. Além disso, a identificação de gestos de larga escala (como os do braço) poderia ser feita, possibilitando o emparelhamento do anel também ao Microsoft Kinect. Para que a comunicação entre o novo wearable e relógios, HoloLens e tablets fosse estabelecida, a conexão WiFi ou Bluetooth seria exigida.

Vale lembrar que este é o segundo anel inteligente equipado com sensores de proximidade, infravermelho e giroscópio já patenteado pela Microsoft. Recentemente, outro dispositivo vestível capaz de funcionar como um mouse para o HoloLens foi registrado pela companhia fundada por Bill Gates em resposta à dificuldade de operação dos óculos via sistema Airtap.

...

Você trocaria mouses e teclados físicos por acessórios vestíveis, à la Minority Report? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: