Imagem de James Bond 007: Blood Stone
Imagem de James Bond 007: Blood Stone

James Bond 007: Blood Stone

Nota do Voxel
75

007 e o diamante de sangue!

Criado em 1953 por Sir Ian Fleming, as aventuras do Comandante Sir James Bond conquistaram uma legião de fãs ao longo de 12 livros e 22 filmes.

As tramas internacionais, os acessórios mirabolantes e as mulheres sensuais eram material mais do que propício para os video games e em 1983, para o saudoso Atari 2600, o agente com licença para matar deu seu primeiro passo em uma jornada que já soma mais de 20 jogos.

A história de Bond nos video games está intimamente ligada às adaptações cinematográficas, mas agora, a Activision resolveu ir além, trazendo uma trama original e uma produção de alto valor.

O resultado é 007 Blood Stone, uma aventura digna de James Bond — com direito a cenários exóticos, carros velozes, intriga internacional e uma bela “Bond Girl”.

007 Blood Stone é mais um bom filme da franquia estrelada por James Bond, mas como jogo ainda faltam algumas coisas para se destacar dentre os demais. Mesmo sem decepcionar muito em nenhum aspecto, o título também não impressiona em nenhum detalhe.

Na verdade, Blood Stone é competente em tudo que se propõem a fazer. Trata-se de um bom jogo de tiro, de corrida e de ação furtiva — alguns momentos de investigação são entediantes, mas não estragam a apreciação final.

Img_normalO problema é que o game não deslumbra o jogador em nenhum momento e o fator que poderia fazer a diferença — a marca 007 — é mal-explorado e, em determinados momentos, a única coisa que remete à série 007 é o rosto de Daniel Craig.

Fãs da franquia 007 (nos cinemas ou video games) devem conferir o título, especialmente se você não possui um Nintendo Wii — o que elimina a possibilidade de jogar a nova versão do clássico GoldenEye 007. Quem é totalmente alheio à série, talvez não seja tão leniente com as limitações do jogo, mesmo assim, o título não é ruim e pode render alguns bons momentos.

Blood Stone deixa a impressão de que poderia ser bem melhor, todavia, consegue entregar boas sequências de ação — de sequências de perseguição em alta velocidade a cenas de combate altamente estilizadas.