Imagem de Alien Swarm
Imagem de Alien Swarm

Alien Swarm

Nota do Voxel
75

Mais uma caçada a insetos alienígenas!

Alien Swarm foi anunciado pela primeira vez em 2005 seguido do subtítulo “Infested”. A ideia era simples, e parecia também interessante: produzir um remake de um dos mods (modificações feitas sobre a matriz de um jogo pré-existente) mais populares de Unreal Tournament 2004, o homônimo Alien Swarm. Havia uma vantagem evidente, é claro. Existia então a poderosa e moderna Source Engine para colocar a nova matança de alienígenas para funcionar.

Só que por volta do ano de 2007 o blog de desenvolvimento de Alien Swarm foi inexplicavelmente negligenciado, deixando muitas incertezas. Entretanto, recentemente a Valve não apenas resolveu reativar a produção do título, como ainda anunciou que o time por trás do desenvolvimento seria precisamente o mesmo que produziu o primeiro Alien Swarm — embora, vale dizer, a produção tenha ocorrido nos intervalos dos títulos principais da produtora, como Left 4 Dead e Portal 2.

Mas tudo bem. Afinal, a experiência do remake parece realmente muito próxima do jogo original. A ideia aqui segue de perto a onda recente de jogos simples, rápidos... E que deixam centenas de corpos desmembrados para trás. A diferença é que, em meio a uma febre de jogos sobre destroçar zumbis — cujo principal expoente é outro título da Valve, o já citado Left 4 Dead —, Alien Swarm, assim como o jogo original, vai jogá-lo bem no meio de uma nave infestada de alienígenas tão descerebrados quanto hostis.

Realmente não existe uma grande trama arquitetada aqui. Você faz parte de uma missão encarregada de buscar sobreviventes em uma colônia espacial que passou por um, digamos, pequeno revés biológico. Se necessário for, o melhor é mesmo mandar tudo pelos ares com dúzias de armas de alto calibre e explosivos — naturalmente, essa é a única opção aqui.

Isso significa apenas uma coisa: dezenas e mais dezenas de alienígenas famintos lançando-se sem descanso sobre você e — essa é a parte realmente interessante — mais quatro amigos potencialmente suicidas. Pois é, aparentemente, qualquer objetivo, por mais simples que seja, fica muito mais divertido quando se joga cooperativamente. E o melhor? As tradicionais divisões em classes, em que cada um cumpre com o seu papel. Vamos aos detalhes.

Se vale mesmo a pena? Complicado afirmar, já que se trata de um jogo gratuito. Mas sim. Provavelmente Alien Swarm vale o tempo que você vai gastar destruindo os botões do seu teclado e mouse enquanto tenta se manter vivo em cenários totalmente tomados por alienígenas hostis.

Quer dizer, é verdade que a história é uma versão simplificada de Aliens: O Resgate, como também é verdade que a jogabilidade não exatamente surpreende. Entretanto, desmembrar alguns insetos extraterrestres com três amigos parece uma boa pedida, além de uma ótima oportunidade de revisitar um mod que marcou época. E tudo isso — nunca é demais enfatizar — sem gastar nenhum vintém.