Hacker que desbloqueou Switch pagará Nintendo pelo resto da vida

1 min de leitura
Imagem de: Hacker que desbloqueou Switch pagará Nintendo pelo resto da vida
Imagem: Nintendo Soup

Condenado a passar 40 meses na cadeia, o hacker Gary Bowser vai ser libertado da prisão por bom comportamento. No entanto, ele terá de pagar uma indenização para a Nintendo pelo resto de sua vida.

Bowser concordou em pagar US$ 14,5 milhões em acordos feitos com a Big N para encerrar os processos acerca da divulgação e venda de desbloqueios de consoles como o 3DS e o Switch. Sua prisão foi decretada no ano passado, mas agora ele será liberado antecipadamente por "bom comportamento."

Hacker terá de pagar indenização vitalícia à Nintendo

Como o valor é muito alto, o hacker afirmou ser incapaz de pagar toda a indenização de uma só vez, ficando então decidido que Bowser deve pagar à Nintendo um total de 25% a 30% de sua renda mensal pelo resto da vida.

Envolvido com time especializado em desbloqueio de consoles, hacker vai ter de pagar indenização vitalícia à NintendoEnvolvido com time especializado em desbloqueio de consoles, hacker vai ter de pagar indenização vitalícia à NintendoFonte:  Getty Images 

Segundo o Dexerto, até o momento, o canadense pagou apenas cerca de US$ 200 do total devido à empresa de Mario e Zelda. Levando em consideração a expectativa média de vida do ser humano, dificilmente o hacker terminará de pagar a totalidade da multa.

Quem é o hacker Bowser?

Gary Bowser foi condenado à prisão em fevereiro do ano passado pelo Departamento de Justiça dos Estados Unidos. O canadense, de 52 anos, tinha envolvimento com o Team Xecuter, especializado em desbloqueio de consoles, e vendia chips para desbloquear plataformas como Nintendo Switch, Nintendo 3DS, NES Classic Edition, PlayStation Classic e Xbox.

Segundo o Departamento de Justiça norte-americano, o papel do canadense era "administrar os sites que faziam a comunicação com clientes, oferecendo dispositivos à venda."

Fontes

Você sabia que o TecMundo está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.