Os 10 melhores jogos da luta do PS1

4 min de leitura
Imagem de: Os 10 melhores jogos da luta do PS1
Imagem: Sony

Não há dúvidas de que o PS1 deu ao público a chance de curtir diversos títulos de peso. Além de RPGs, jogos de ação e outros, uma categoria que rendeu boas novidades e ports foi a dos games de luta.

Sendo assim, vamos relembrar nessa lista alguns dos principais games de luta que passaram pela primeira plataforma da Sony (a ordem não significa necessariamente a sequência de escolha, e é aleatória). Partiu ao encontro do mais forte?

1. Tekken 3

A série Tekken teve alguns representantes no saudoso PS1, mas muitos certamente se lembram com mais carinho de Tekken 3.

Entre as novidades vistas aqui estavam a possibilidade de participar de diversos confrontos com personagens já conhecidos do público, além de se divertir em dois modos bastante diferentes: Tekken Force (um beat'em up) e Tekken Ball (uma espécie de jogo de vôlei).

Não é a toa que o game está entre o top 10 dos mais vendidos do console, além de figurar como um dos melhores ou melhor jogo de luta da plataforma para muitas pessoas por aí.

2. Street Fighter Alpha 3

A série Street Fighter marcou presença em praticamente todos os consoles das antigas gerações, dando as caras no PS1 com alguns representantes. E, para muitos, o mais importante deles é Street Fighter Alpha 3.

O game, apesar de recorrer ao estilo 2D em um momento em que vários jogos já adotavam 3D, se mostrou bastante bonito e com um apelo sem medida para o público. Além de contar com diversos personagens para selecionar, ainda trazia a chance de escolher entre três estilos diferentes para os movimentos especiais e tudo mais que um fã de Street espera.

3. Mortal Kombat Trilogy

Seria difícil criar uma lista de melhores jogos de luta para um console como o primeiro PlayStation sem citar um Street Fighter e, claro, Mortal Kombat.

Mortal Kombat Trilogy traz todos os lutadores vistos desde o primeiro jogo da franquia, além de permitir confrontos em estágios clássicos e, claro, todas as finalizações que deixam qualquer fã desses "kombates" satisfeitos ao vê-los executados na tela.

4. Rival Schools: United by Fate

Estamos diante de um game criado pela Capcom, e acabou caindo nas graças do público por trazer uma temática que até então não havia sido muito explorada nos jogos de luta.

A ideia por trás desse game deve ter sido algo bem curioso: e se grupos diferentes no ambiente estudantil (como nerds, riquinhos, esportistas e outros) lutassem para ver qual é o melhor? O resultado gerou um título bastante divertido e que, infelizmente, a produtora japonesa aparentemente não pretende dar muita atenção futuramente.

5. X-Men vs. Street Fighter

Clássico nascido nos fliperamas, é mais um daqueles casos de títulos que teve um port para PS1 bem aceito pela comunidade.

Tudo que foi visto no game original está aqui, então você pode criar sua dupla contendo membros dos mutantes, dos originários de Street Fighter ou combinando os dois universos para travar combates repletos de poderes especiais, super pulos e muito mais até o momento em que apenas um lutador se tornar o vencedor da competição.

6. Gundam: Battle Assault

Baseado na série homônima que fez (e ainda faz) bastante sucesso no Japão, Gundan: Battle Assault leva os robozões para as arenas em combates repletos de golpes especiais e movimentos variados a bordo do seu personagem favorito.

Claro, este pode ser o game mais balanceado de todos, mas ainda assim é capaz de divertir um bocado.

7. X-Men: Mutant Academy 2

Mais um título que traz os personagens mutantes para confrontos, X-Men: Mutant Academy 2 é mais um daqueles jogos do primeiro PlayStation que atraiu a atenção de vários jogadores por trazer vários nomes conhecidos do universo desses combatentes, além de melhorias na parte gráfica para deixar tudo ainda melhor.

8. Capcom vs. SNK Pro

Eis que estamos diante de mais um crossover, dessa vez entre personagens variados da Capcom e outros vindos diretamente do universo da SNK.

A grande sacada aqui era a possibilidade de colocar personagens como Ryu e Guile, por exemplo, para lutar contra nomes como Kyo, Terry e outros que acabaram extraídos de The King of Fighters. O resultado é um game bem divertido e com várias possibilidades para times, gerando combinações que até então não tinham sido imaginadas por muitas pessoas.

9. Bushido Blade

Bushido Blade pode ser considerado um game diferente de vários outros presentes nessa lista. Em seu pacote, por exemplo, está a ausência de medidores de vida e até mesmo um contador de tempo, algo que chamou a atenção de muitos por esse quesito originalidade.

Em seu lugar foi introduzido um sistema de dano ao corpo do personagem, fazendo com que alguns acertos praticamente causassem uma morte instantânea, enquanto outros fariam o oponente andar mais devagar e até mesmo rastejar pelo cenário.

10. Dead or Alive

Por fim, trazemos aqui para nossa lista Dead or Alive. O título acabou chamando a atenção de muitos donos de PS1 por conta do estilo de luta variado de cada combatente, além de trazer estágios com áreas que conseguiriam causar danos extras ao oponente caso você os lançasse para essas regiões.

Some a isso o fato de estarmos diante de um título que, à época, trazia bons gráficos 3D e terá a equação de um game que já estava preparado para o sucesso nesse período.

Fontes