Streamers de Final Fantasy XIV vão parar na cadeia do jogo por uso de mods

1 min de leitura
Imagem de: Streamers de Final Fantasy XIV vão parar na cadeia do jogo por uso de mods
Imagem: Square Enix

Final Fantasy XIV tem um relacionamento não muito saudável com mods. Enquanto muitos jogadores conseguem usar as ferramentas sem encontrarem grandes problemas, a Square Enix já avisou que, por regra, eles não são permitidos no game. Na última semana a produtora decidiu agir em suas ameaças e fez dois streamers de exemplo.

O primeiro relato que tivemos publicamente foi do jogador conhecido como Hiroro. Ele estava fazendo uma live de uma das raids do jogo, usando mods para expandir os elementos da HUD e obter uma vantagem na jogatina, quando de repente foi transportado para uma dungeon chamada Mordion Gaol, e o personagem ficou preso por lá.

O streamer de Final Fantasy XIV apagou todo seu conteúdo no YouTube e tirou o vídeo da Twitch onde ele aparecia usando mods, mas existem capturas de tela na internet provando que ele estava usando as ferramentas.

Outro banimento do tipo aconteceu com Bagel Goose, mas esse temos até vídeo pra conferir em tempo real:

Dá pra ver imediatamente na HUD o uso do mod, e poucos segundos depois o jogador sendo transportado para a "cadeia". Não se sabe por quanto tempo Hiroro e Bagel Goose ficarão suspensos do jogo, mas seguindo as regras da Square Enix no papel, as punições vão de dentro do jogo até efetivamente a conta do usuário.

Especula-se que muitos desses banimentos vêm de delações de um segmento da própria comunidade de jogadores de Final Fantasy XIV, que enxergam com maus olhos o uso de mods para obter vantagens nas desafiadoras raids do game.

Fontes