CD Projekt suspende venda de games na Rússia e em Belarus

1 min de leitura
Imagem de: CD Projekt suspende venda de games na Rússia e em Belarus
Imagem: CD Projekt RED

A desenvolvedora CD Projekt RED, responsável pela franquia The Witcher e por Cyberpunk 2077, anunciou sanções contra a Rússia e Belarus (ou Bielorússia) em consequência da invasão sofrida pela Ucrânia.

A partir desta quinta-feira (3), a venda de todos os jogos da empresa nos dois países foi suspensa por tempo indeterminado. A medida vale tanto para lojas digitais, com efeito imediato, quanto games físicos, que não terão os estoques renovados.

Além disso, todos os títulos disponibilizados pela plataforma GOG também serão bloqueados na região.

"Todo o grupo CD Projekt permanece firme ao lado da população da Ucrânia. Apesar de não sermos uma entidade política capaz de diretamente influenciar assuntos de Estado, e nem aspiramos ser isso, nós acreditamos que entidades comerciais, quando unidas, têm o poder de inspirar mudanças globais no coração e nas mentes de pessoas comuns", diz o comunicado.

A empresa ainda reconhece que a medida prejudica jogadores que "nada tem a ver com a invasão da Ucrânia", mas acha que a decisão pode levar a comunidade a falar sobre o que está acontecendo na região.

Por que Belarus também?

A invasão da Ucrânia foi ordenada pelo presidente da Rússia, Vladimir Putin, há oito dias. Para além do conflito armado entre os dois lados, Belarus é visto como um aliado dos russos.

O líder do país, Aleksander Kukashenko, teria oferecido abrigo ao exército local e facilitado a passagem das tropas, além de votar favoravelmente ao país sempre que possível.

Outras empresas de tecnologia já aplicaram sanções na tentativa de isolar e prejudicar a Rússia, como Apple, Spotify e Netflix.

Você sabia que o TecMundo está no Facebook, Instagram, Telegram, TikTok, Twitter e no Whatsapp? Siga-nos por lá.