Sony para de vender cartões da PS Now e reacende rumores do Spartacus

2 min de leitura
Imagem de: Sony para de vender cartões da PS Now e reacende rumores do Spartacus
Imagem: PlayStation/Reprodução
Avatar do autor

A Sony está comunicando varejistas no Reino Unido para que eles deixem de vender cartões da PlayStation Now já a partir da próxima semana. O pedido da empresa é para que as lojas retirem os cartões das prateleiras e também dos catálogos online.

A informação foi divulgada nesta quarta-feira (12) pelo insider Jeff Grubb, no site Venture Beat. Ele teve acesso ao comunicado que está sendo enviado para os comerciantes britânicos.

“As lojas têm até o final do dia 19 de janeiro para remover todos os cartões [dos pontos de vendas físicos] e [entrega eletrônica] de todas as áreas voltadas para o cliente e atualizar suas baias digitais de acordo com a próxima atualização comercial desta semana”, diz trecho da mensagem.

PlayStation

Jeff Grubb disse que entrou em contato com a Sony, mas a empresa não respondeu o pedido de comentário sobre o caso.

Novo serviço chegando?

Para os brasileiros a notícia não faz tanta diferença, já que a PS Now, que é o serviço de jogos pela nuvem da Sony, não está disponível no Brasil. Contudo, Grubb lembra que a ação comercial pode ser mais um indício de que um novo serviço da empresa está surgindo.

Uma reportagem da Bloomberg do início de dezembro de 2021 revelou que a Sony está trabalhando em um novo serviço de assinatura que une a PlayStation Plus e PS Now, sendo uma espécie de “Game Pass do PlayStation”.

Além de jogos atuais via nuvem, o projeto, que está sendo chamado pelo codinome de “Spartacus”, deve oferecer títulos clássicos de PS1, PS2, PS3 e PSP. A nova plataforma teria três modelos de assinatura: a mais básica, que daria praticamente os mesmos benefícios do atual PS Plus; a intermediária, com tudo da anterior mais acesso a jogos de PS4 e PS4 e a avançada, que ofereceria os jogos clássicos dos consoles das gerações anteriores.

Depois que o assunto tomou conta dos noticiários, o jornalista Jason Schreier, que divulgou a informação sobre o Spartacus, explicou no Twitter que os cartões da PS Now já foram recolhidos nos Estados Unidos nas últimas semanas.

Mas sim, isso é um preparativo para o lançamento do Spartacus (também conhecido como PlayStation Plus renovado), como a Bloomberg informou no início de dezembro”, revelou Schreier.