Metroid Prime 3 desistiu de mundo aberto por causa de specs do Wii

1 min de leitura
Imagem de: Metroid Prime 3 desistiu de mundo aberto por causa de specs do Wii
Imagem: Nintendo

Metroid Prime 3 chegou a ser inicialmente planejado como um game de mundo aberto, mas as especificações mais limitadas do Wii fizeram com que os desenvolvedores desistissem do conceito. A informação foi compartilhada em entrevista recente por Bryan Walker, produtor sênior dos Metroid Prime 2 e 3.

"Nós queríamos aproveitar a nave como um recurso jogável e nós tivemos isso até um certo nível em Prime 3, mas o Mark (Pacini, diretor da série Metroid Prime) estava pensando de maneira bem mais ambiciosa."- declarou Walker em entrevista com o Kiwi Talkz.

A ideia dos desenvolvedores era criar uma nave bem mais completa para Samus, onde os jogadores teriam vários elementos para interagir e aproveitar. Mas não foi bem isso que apareceu no jogo. O resultado final foram sequências específicas da Samus na nave durante a campanha.

Walker falou, então, dos motivos para eles desistirem, que foram em grande parte devido às limitações do Wii na época:

"Nós sabíamos o que o Xbox 360 ia ter, sabíamos o que o PS3 ia ter, e as especificações (do Wii) iniciais que estávamos olhando não eram competitivas de um ponto de vista do hardware e da memória... Havia todas essas desvantagens. Estávamos um pouco preocupados, para ser direto, e então eles lançaram o Wii Remote e meio que todos juntos o time disseram, 'ah, então tá'."

Mas isso não quer dizer que Walker esteja decepcionado com o resultado final do jogo, pelo contrário. O desenvolvedor complementa suas falas dizendo: "Nós ainda ficamos muito, muito orgulhosos com o Prime 3, ele acabou sendo um jogo fantástico, mas eu estaria bem interessado de ver qual seria a resposta, especialmente da comunidade de fãs, de uma nave expandida e a experiência não linear que chegamos a considerar."