Valve confirma que Steam Deck deve rodar o Windows 11

1 min de leitura
Imagem de: Valve confirma que Steam Deck deve rodar o Windows 11
Imagem: Valve
Avatar do autor

A Valve confirmou o desejo de fazer que o portátil Steam Deck rode sem problemas de compatibilidade com o Windows 11, próxima versão do sistema operacional da Microsoft.

Em entrevista ao site PC Gamer, o designer Greg Coomer confirmou conversas entre Valve e AMD, que é a responsável pelos chips do dispositivo, para garantir que ele tenha a tecnologia responsável para rodar a plataforma. Segundo ele, não há indicativos de incompatibilidade.

O principal problema a ser enfrentado é atingir o requisito da Trusted Platform Module 2.0 (TPM 2.0), um componente de segurança que será obrigatório para o Windows 11. A busca de fabricantes pela peça fez até os preços dispararem repentinamente no mercado. Além disso, é preciso garantir que a BIOS também esteja pronta para uma eventual atualização.

Otimismo

"Há empenho em olhar para o TPM agora mesmo. Nós focamos tanto no Windows 10 até agora que não fomos muito além nisso, mas as nossas expectativas são de que vão conseguir cumprir isso", explicou Coomer.

A possibilidade de substituir o SteamOS 3.0 pelo Windows é uma das vantagens do Steam Deck para consumidores, o que permitirá até mesmo rodar jogos de outras plataformas, como Epic Games Store e Xbox Game Pass.

O Steam Deck tem expectativa de lançamentos para as primeiras regiões em dezembro de 2021.