Discord encerra negociação e não será mais comprado pela Microsoft

1 min de leitura
Imagem de: Discord encerra negociação e não será mais comprado pela Microsoft
Imagem: Discord
Avatar do autor

O Discord não será mais vendido para a Microsoft. A informação foi divulgada nesta terça-feira (20) pelo The Wall Street Journal, com base em fontes ouvidas pela reportagem.

Os rumores sobre a aquisição começaram a circular em março de 2021, após uma matéria da Bloomberg. Segundo as especulações do período, as conversas estavam bastante adiantadas e o valor da plataforma poderia chegar a US$ 10 bilhões.

Entretanto, agora a negociação foi encerrada — ao menos por enquanto, já que uma aquisição futura pela Microsoft ou outra gigante do setor não está descartada. Até agora, as duas partes envolvidas não se manifestaram oficialmente a respeito do assunto.

E agora?

Ainda de acordo com o The Wall Street Journal, o Discord preferiu seguir um caminho diferente em curto prazo, possivelmente até realizando uma oferta pública de ações. Especialmente ao longo da pandemia da covid-19, ele ganhou ainda mais popularidade não só entre jogadores online, mas para formação de comunidade e até aplicação de golpes nos grupos.

Outras duas companhias que não foram nomeadas teriam realizado ofertas pelo Discord, mas elas também foram rejeitadas em etapas anteriores de negociação. Vale lembrar que a Microsoft também tentou comprar a rede social chinesa TikTok no segundo semestre de 2020, mas também não concluiu a aquisição.