Microsoft negocia compra do Discord por US$ 10 bilhões

1 min de leitura
Imagem de: Microsoft negocia compra do Discord por US$ 10 bilhões
Avatar do autor

A Microsoft pode comprar o Discord em mais uma aquisição bilionária. De acordo com informações obtidas pela agência de notícias Bloomberg, a dona do Windows estaria conversando com executivos do serviço de comunicação focado em games para uma aquisição que pode custar aproximadamente US$ 10 bilhões.

Segundo o VentureBeat, os responsáveis pelo Discord estão abertos para vender o serviço, que cresceu durante a pandemia e recebeu US$ 100 milhões em investimentos para expandir suas operações em 2020. Além da Microsoft, empresas como Epic Games e Amazon estariam interessadas na plataforma.

Fonte:  Fabian Sommer/Getty Images/Forbes 

As informações apontam que apenas uma das companhias estaria em "conversas avançadas" para uma potencial aquisição. A reportagem da Bloomberg aponta que essa companhia pode ser a Microsoft, que teria envolvido até mesmo Phil Spencer, chefe da Xbox, na negociação.

O Discord é um serviço de comunicação bastante popular no mercado de games e possui 140 milhões de usuários ativos mensais, além de receita anual aproximada de US$ 130 milhões. A plataforma conta com chats de voz e vídeo, bem como um sistema de grupos que suporta robôs para automatização de tarefas.

A Xbox já trabalhou com o Discord em algumas ocasiões.A Xbox já trabalhou com o Discord em algumas ocasiões.Fonte:  Tom's Guide 

Durante os últimos anos, a Microsoft trabalhou em parceria com o Discord no Xbox, mas ainda não implementou os serviços de chat da plataforma nos consoles. A companhia já lançou uma integração da Xbox Live com o serviço e também distribuiu códigos da assinatura Discord Nitro com o Xbox Game Pass.

Oferta pública

Enquanto a Microsoft pode estar se destacando nas supostas negociações, algumas fontes apontam que o Discord pode recusar a venda e seguir outro caminho. A empresa também estaria estudando a possibilidade de abrir capital na bolsa de valores.

Uma das fontes da Bloomberg aponta que o Discord pode aproveitar o momento de crescimento e realizar uma oferta pública de ações. Caso a ideia vá para frente, os planos de uma venda para a Microsoft serão cancelados.

A possibilidade da oferta pública pode abrir portas para os donos do Discord aumentarem o preço de venda da plataforma, que foi avaliada em US$ 7 bilhões no ano passado. No entanto, como a Microsoft estaria disposta a desembolsar até US$ 10 bilhões, a dona do Windows ainda teria uma grande margem de dinheiro para oferecer no negócio.

Até o momento, nenhuma das empresas envolvidas comentou oficialmente sobre o assunto.

News de tecnologia e negócios Deixe seu melhor e-mail e welcome to the jungle.