Designer de Hogwarts Legacy tinha canal anti-feminista no Youtube

1 min de leitura
Imagem de: Designer de Hogwarts Legacy tinha canal anti-feminista no Youtube

Antes de ser contratado como designer chefe no próximo título da WB Games, Harry Potter Hogwarts Legacy, Troy Leavitt dirigiu um canal no YouTube com temática anti-justiça social e anti-feminista.

Em 2020, a Avalanche anunciou estar trabalhando em um RPG de Harry Potter baseado no universo de J.K Rowling. Mas, depois de tanta polêmica a respeito de comentários transfóbicos da autora, o estúdio se distanciou dela.

Agora o estúdio também precisa se explicar a respeito do designer Troy Leavitt. No final de semana, Liam Robertson, comentarista e especialista em jogos, tweetou a cerca do tipo de conteúdo que o designer estava criando.

Conteúdo anti-feminista e anti-justiça social

O conteúdo do canal de Leviatt parecia criticar principalmente o feminismo e a justiça social, tendo vídeos com títulos como "A injustiça da justiça social", "Em louvor pela apropriação cultural" e "Dez mandamentos da justiça social".

O canal, inativo desde 2018, defende John Lasseter, diretor da Pixar acusado de má conduta sexual, e dá repetidas investidas contra Anita Sarkeesian, da Feminist Frequency, além de reduzir o movimento #MeToo a um simples "pânico moral".

Com 26.000 inscritos, o canal acumulou cerca de 2.000.000 visualizações, mas não está em alta no momento, visto a inatividade.

Leavitt mencionou que "estou feliz em dizer que, embora eu tenha divulgado meu canal para a WB Games, não parecia ser um problema para eles. Não que eles endossem algo que eu disse, é claro, mas pelo menos eles parecem estar mais preocupados em fazer bons jogos do que em promover algum tipo de agenda de justiça social, então há esperança".

Relatórios de 2020 sugeriram que a equipe de desenvolvimento da Avalanche (e de Harry Potter Hogwarts Legacy) expressou preocupação sobre seu trabalho estar ligado a J.K Rowling depois que ela fez uma série de declarações transfóbicas no twitter.

A WB Games ainda não fez nenhuma declaração a respeito de Leavitt.

Fontes

Designer de Hogwarts Legacy tinha canal anti-feminista no Youtube