Cyberpunk 2077: 'decisões difíceis' resultaram em corte de conteúdos

1 min de leitura
Imagem de: Cyberpunk 2077: 'decisões difíceis' resultaram em corte de conteúdos
Imagem: https://www.nvidia.com/pt-br/geforce/news/cyberpunk-2077-30-series-4k-rtx-on-trailer/

Durante uma discussão no Discord de Cyberpunk 2077, Miles Tost, desenvolvedor da CD Projekt Red, comentou sobre algumas das escolhas feitas para que o novo RPG do estúdio entrasse em estado definitivo e fosse entregue no prazo planejado. Segundo o dev, sacrifícios tiveram que ser realizados, resultando na perda de conteúdos que foram cortados da versão final.

Tost afirma que a exclusão de alguns conteúdos planejados para Cyberpunk 2077 foram "decisões difíceis", porém algumas das ideias que pareciam boas durante o desenvolvimento do game perderam impacto e não funcionaram bem em relação ao produto final. Confira a mensagem do dev na íntegra.

"É claro que repetimos e mudamos coisas e, logicamente, também tinhamos ideias que parecem ótimas no papel, mas acabam não funcionando bem no jogo com todos os outros recursos. Em The Witcher 3também cortamos uma tonelada de coisas, mas no final tudo isso tornou o jogo melhor - agora eu entendo, isso é decepcionante para todos quando acontece e também é difícil de entender sem todo o contexto do ambiente de desenvolvimento, mas, neste caso, apenas peço a sua confiança. Basta olhar para as histórias de tantos outros jogos que você pode gostar. Acredite em mim quando digo que, durante seus desenvolvimentos, alguns recursos amados também foram cortados e você ainda gosta deles hoje, talvez até por causa dos cortes. No final das contas, o que importa é o quanto o jogo e os sistemas de TI são divertidos e estamos fazendo o nosso melhor para garantir que seja a melhor experiência possível."

Cyberpunk 2077 será lançado em 19 de novembro para PS4, PS5, Xbox One, Xbox Series S/X e PC.

Cyberpunk 2077: 'decisões difíceis' resultaram em corte de conteúdos