O anúncio da morte do Vine fez com que o sistema dedicado a vídeos curtos ganhasse popularidade renovada, o que não se provou suficiente para que o Twitter mudasse sua decisão de fechá-lo. No entanto, a atenção dada à (agora defunta) rede social resultou em iniciativas interessantes como o Vine Archive.

Acessível através do site Vine.co, o serviço permite fazer uma seleção de vines dependendo do ano em que eles foram produzidos. Começando em 2013, o arquivo online possui divisões em categorias (Animais, Arte, Comédia, Edições, Música & Dança, Esporte e Estranho), bem como um sistema de “Escolhas do Editor” e listas de reprodução pré-configuradas.

O arquivo conta com diversas categorias e playlists personalizadas

Outros recursos incluem um sistema de buscas que permite achar criações tomando como base o nome de seus autores e a possibilidade de retirar suas obras do arquivo caso você não deseje compartilhá-las. Atualmente, o Vine sobrevive na forma do Vine Camera, aplicativo que cria vídeos rápidos para publicação em redes sociais como o Twitter e o Facebook.

Cupons de desconto TecMundo: