O mercado de jogos está em constante evolução. Lançamentos prometidos para este ano, como Project Natal, PlayStation Move e outros prometem transformar completamente o modo como jogamos video game.

A Valve, com seu Steam, já foi responsável por uma evolução, pois os jogos agora podem ser comprados e baixados diretamente do programa exclusivo da empresa, dispensando a necessidade de o jogador comprar uma cópia em DVD ou Blu-ray. Seu sucesso pode ser explicado pela grande quantidade de empresas que aderiram à parceria.

Alguns podem chamar o Steam de “games on-demand”, mas depois que o OnLive for oficialmente lançado, o conceito de distribuição sob demanda será realmente colocado em prática.

Anunciado na E3 de 2009, o OnLive já tem data marcada de lançamento: 17 de junho de 2010, também dentro da programação da maior feira de entretenimento eletrônico do mundo (que acontecerá de 15 a 17 de junho, na cidade de Los Angeles).

O que é?

Logo do OnLiveO conceito do OnLive é completamente novo, ou melhor, não é novo, mas é revolucionário porque agrega diversas tecnologias e serviços matadores em um só lugar.

Trata-se de um serviço online de jogos por demanda. Hã? OK, o Baixaki explica: você não precisará mais fazer download de jogos — como faz no Steam, por exemplo — e muito menos comprar qualquer CD, DVD ou Blu-ray de instalação.

Esse tipo de distribuição ficará no passado assim que o OnLive entrar no ar. Ele dispensará a necessidade de downloads ou compra de mídias com os jogos, pois eles rodarão diretamente do servidor, colocando finalmente em prática a computação em nuvens e aplicando-a em larga escala, no mercado de jogos.

Como funciona?

O OnLive permitirá que você compre ou alugue games e comece a jogar na mesma hora, sem qualquer instalação! Você só precisará de um computador ou televisão e uma boa conexão banda larga, pois o jogo será transmitido à medida que você joga.

Você que não tem video game e muito menos um computador com o processador mais avançado ou a placa de vídeo top do momento, não se desespere, pois o OnLive também foi feito para você.

Como os jogos não rodarão na máquina do cliente, e sim diretamente nos servidores das empresas parceiras do serviço, não será necessário que os jogadores tenham máquinas de 3 mil reais para poderem se divertir.

O famoso computador “genérico”, ou outros apelidos dados aos PCs mais simples, também poderá ser usado para jogar os games mais alucinantes do momento. Para que você tenha uma ideia das possibilidades, assista ao vídeo abaixo.

E se você não possui computador, também não precisa ficar triste. Será possível adquirir uma espécie de roteador, que será ligado no seu modem de banda larga e também na sua televisão, permitindo que você jogue com o joystick próprio.

Sendo assim, o OnLive jogará no lixo todas as limitações dos jogos mais recentes e permitirá que eles sejam aproveitados por uma quantidade imensamente maior de pessoas.

Para jogar os títulos em alta resolução, o serviço recomenda que o usuário tenha uma conexão de no mínimo 5 Mbps, mas estarão disponíveis jogos em resolução padrão, para conexões de no mínimo 1,5 Mbps. No lançamento, somente os jogos em HD estarão disponíveis, mas os demais serão disponibilizados gradualmente.

Infelizmente, quando for lançado, o OnLive só estará disponível para os EUA e posteriormente para a Europa. O Brasil nem foi mencionado, mas podemos esperar que não haja qualquer lançamento oficial no país. Sendo assim, a velocidade mínima da conexão para os jogadores brasileiros deverá ser maior devido à distância dos servidores.

Roteador e joystick  para jogar na TV.
Imagem: divulgação (site oficial)

O usuário pagará uma taxa mensal de 14,95 dólares para manutenção de sua conta, mas isso não inclui os jogos, que deverão ser alugados por alguns dias ou comprados.

O preço poderá variar, pois serão ofertados programas de fidelidade, nos quais você pagará por mais meses de uso de uma só vez, baixando o preço — mais ou menos como os contratos de fidelidade que as empresas de telecomunicações fazem no Brasil, só que de um jeito que respeita o consumidor e não é abusivo.

Funções alucinantes!

Mesmo os jogos de um só jogador já deixaram de ser formas de isolamento social. Hoje, todos os títulos lançados têm opções que permitem o jogo em grupo.

O OnLive trará um novo nível de interação entre os jogadores. Você poderá assistir ao vivo às partidas que estiverem sendo jogadas por outras pessoas, criar uma lista de amigos para jogar com a sua galera e experimentar os demos para ver se realmente vale a pena comprar o game.

O vídeo abaixo mostra como será a interface do usuário (que poderá mudar até o dia do lançamento):