Um dos recursos mais aguardados do DirectX 12 é a combinação de placas de diferentes fabricantes e gerações, ou seja, usar um produto da AMD e outro da NVIDIA no mesmo computador e de forma conjunta.

Até agora isso era apenas uma promessa, mas o jogo Ashes of the Singularity, que já inovou ao ser o primeiro a trazer um teste com DX 12, vem novamente para exibir as vantagens da API da Microsoft, colocando esse recurso para funcionar de verdade.

A novidade ainda não está disponível publicamente, ou seja, mesmo que você seja um testador oficial do game, tal configuração não será habilitada. Contudo, o site AnandTech obteve uma ajudinha dos desenvolvedores para poder colocar tal configuração em uma análise rudimentar.

Os testes foram feitos com placas das mais diversas configurações, marcas e modelos, incluindo desde versões antigas como a GeForce GTX 680 e a Radeon HD7970, até as tão cobiçadas placas GeForce GTX TITAN e Radeon R9 Fury X.

O resultado? Bom, para começo de conversa, a combinação de AMD e NVIDIA dá tão certo que supera um SLI de duas placas da NVIDIA ou um CrossFire de placas AMD. Além dessa característica improvável, o site ainda constatou que a placa da Fury X pode render melhor com o DirectX 12, algo que se nota quando ela está como modelo principal.

Obviamente, isto pode ser apenas um aspecto específico do jogo, mas, por ora, já podemos ter a certeza de que o futuro é promissor neste sentido, já que é possível ter um ganho significativo em desempenho, mesmo ao instalar uma placa completamente diferente e que pode ser até mais barata.

Você acha que o DirectX 12 vai revolucionar os jogos no PC? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: