O mercado de consumo é majoritariamente fomentado pela tecnologia, principalmente smartphones, televisores e, é claro, os games. Países como Estados Unidos, Japão e Alemanha sempre se destacaram nas tabelas de estudos levantados por agências de pesquisa. Mas, desta vez, quem diria: a China destronou a Terra do Tio Sam e desponta em primeiro lugar como país que mais movimentou dinheiro em games neste ano, até aqui.

O relatório foi publicado pela agência de investigação e pesquisa Newzoo. De acordo com o levantamento, a indústria de video games, durante este ano, conseguiu arrecadar mais de US$ 22 bilhões só no mercado chinês, valor que representa cerca de US$ 300 milhões a mais que o cenário norte-americano.

Os dados não representam nada descomunal. A China tem visto enorme crescimento econômico e é um dos países mais populosos do planeta. O número de usuários conectados à internet por lá, para que se tenha uma ideia, supera mais que o dobro da quantidade dos Estados Unidos. Na terceira posição aparece o Japão, seguido da Coreia do Sul e da Alemanha.

Brasil está em 11º na escala mundial, mas é o primeiro na América Latina

O país germânico, aliás, é o destaque da Europa, à frente inclusive do Reino Unido, que sempre deteve uma enorme fatia da indústria. O Brasil, por sua vez, está muito bem: apesar de aparecer em 11º lugar na escala mundial, nosso país é o primeiro da América Latina, disparado, com quase US$ 1,5 bilhão em receita, quase US$ 300 milhões à frente do México, que está na 13ª posição.

A lista enumera 100 países que consomem games. Em último lugar está o Nepal, com uma tímida receita de quase US$ 12 milhões este ano. Ao acessar o site da Newzoo, é possível aplicar filtros para cada região do mundo. Ao clicar em Latin America, o Brasil, conforme mencionado, desponta em primeiro lugar.

O que você achou da 11ª posição do Brasil nos países que mais movimentam dinheiro em games? Nosso país é o número 1 da América Latina! Discuta o assunto no Fórum do Baixaki Jogos.

Cupons de desconto TecMundo: