O assunto da vez é The Witcher 3: Wild Hunt, que está fazendo um enorme sucesso na semana de lançamento. Sem sombra de dúvidas, o jogo está lindo e é uma referência para os gráficos fotorrealistas da nova geração, conforme foi salientado na análise em progresso publicada nesta semana.

Apesar de estar bonito em todas as versões, é inegável que um PC muito poderoso possui algumas vantagens sobre seus concorrentes de mesa. A diferença pode não ser gigantesca entre as configurações low e ultra dos computadores, mas a versão mais parruda consegue utilizar o recurso Hairworks, uma impressionante tecnologia que ressalta a pelagem de animais, cabelos e movimentação de tecidos.

Contudo, muitos jogadores relataram que habilitar essa funcionalidade no game acarreta em problemas enormes de performance, impossibilitando que pessoas com um hardware mais modesto desfrutem da tecnologia. Entretanto, há uma solução. É possível habilitá-la e ainda jogar com as configurações próximas das que você atualmente usa sem afetar o desempenho.

Realizando a maracutaia

Deixar a execução da Hairworks mais leve requer modificar um arquivo dentro da local de instalação do game. Para realizar a tarefa, procure o diretório onde o jogo está contido e vá até a pasta: “bin/config/base”; pesquise pelo arquivo Rendering.ini e o abra no Bloco de Notas ou em programas como Notepad ++.

Procure por uma linha que tenha a seguinte sentença: “HairWorksAALevel=8”. Mude o número 8 para 4 – 2 ou menos não é recomendado, pois deixa os gráficos estranhos – e salve o arquivo. Depois dessa mudança, clique com o botão direito, vá em “Propriedades” e marque a opção “Somente Leitura”. Depois disso, você deve experienciar uma melhora de performance.

O que foi que eu acabei de fazer?

Calma, não é nada extremamente estranho. A funcionalidade Hairworks utiliza como padrão a tecnologia de Multisample Anti-aliasing em 8X, que pode pesar em placas de vídeo mais modestas e gerar um gargalo de processamento. Contudo, diminuir essa quantidade pela metade garante um aumento de desempenho sem sacrificar brutalmente a estética do jogo.

Caso algo pareça estranho ou errado, basta alterar o mesmo arquivo para o número original, que é 8. The Witcher 3 foi lançado nessa terça-feira (19) para Xbox One, PlayStation 4 e PC. Não deixe de conferir nosso superespecial contendo absolutamente tudo sobre o game.

Via Baixaki Jogos.

Cupons de desconto TecMundo: