Às vésperas do início oficial do Beta aberto de Battlefield Hardline, várias pessoas já tiveram acesso antecipado à versão de testes do multiplayer do novo shooter da Visceral e relatos começaram a circular pela internet sobre o conteúdo disponibilizado. Pesando cerca de 11 GB nas suas versões para PC, PlayStation 4 e Xbox One e menos de 4 GB nas de PS3 e Xbox 360, o Beta vai trazer três modos multiplayer para os jogadores experimentarem.

Durante o período de teste, será possível participar de partidas em três modalidades distintas, chamadas Conquest, Heist e Hotwire. Enquanto o primeiro já deve ser conhecido dos fãs do gênero de tiro em primeira pessoa, com cada equipe tendo que dominar e manter controle sobre certas áreas dos mapas, os outros dois mostram um pouco mais do espírito de “seriado policial” que a Visceral se esforçou para dar ao novo título.

Em Heist, a equipe dos criminosos tenta se infiltrar em um banco para roubar todo o dinheiro que conseguir e escapar da prisão, enquanto os policiais têm a óbvia missão de capturar os malfeitores – custe o que custar. O destaque, no entanto, parece ficar com Hotwire, que tem um funcionamento similar ao de Conquest, mas com os jogadores disputando a posse de veículos em alta velocidade ao invés das áreas paradas.

Espírito renovado

Segundo a Visceral, Battlefield Hardline é completamente centrado em velocidade, estratégia e nas histórias por trás das partidas, que parecem passar uma sensação de que aquilo se trata de mais do que um shooter descerebrado. Enquanto disputas de Heist envolvem um trabalho de equipe digno de filmes, com os bandidos cobrindo a rota de fuga dos companheiros e os policiais armando seu certo, Hotwire conta com divertidas perseguições e tiroteios em alta velocidade.

Um aspecto de Hardline que se destaca é a atenção dada pela produtora na hora de diferenciar as duas facções, tanto com relação à postura quanto no que diz respeito aos seus armamentos e equipamentos. Enquanto os policiais agem conforme regras e cumprem seu dever com armas tecnológicas e acessórios quase militares, os bandidos têm um vocabulário mais vulgar e cheio de atitude, usando itens improvisados e armas do mercado negro.

“A ideia de tiras e ladrões é algo com o que muita gente já brincou, então durante o desenvolvimento tínhamos o objetivo de causar uma sensação bem diferente”, disse o produtor Steve Papoutsis ao Destructoid. Segundo ele, em jogos militares tradicionais tudo acontece em confrontos onde os jogadores estão distantes uns dos outros e não se comunicam, mas é justamente a dinâmica entre os dois lados que torna os filmes policiais divertidos.

Outro ponto em que Hardline se diferencia de seus predecessores é a velocidade com que tudo acontece, o que se deve em grande parte à grande quantidade, acessibilidade e facilidade de uso dos carros pelos cenários. “Este é o Battlefield mais rápido já feito. Os jogadores entram no jogo mais rapidamente, combatem mais cedo e fazem sua presença ser percebida com mais antecedência”, disse o produtor sênior Scott Probst ao VG24/7.

Vídeos, esquilos e aviões

Embora alguns dos sortudos que conseguiram começar os tiroteios mais cedo tenham realizado transmissões em vídeo, a equipe de advogados da produtora agiu rápido para retirar as gravações do ar. Excetuando-se os exemplos ao longo deste texto, capturados por veículos da imprensa com a permissão da produtora, a maior parte dos streamings feitos por fãs foi prontamente eliminada.

Questionada sobre a atitude por meio do Twitter, a Visceral respondeu não tem culpa pela remoção da transmissão do ar, afirmando que seus advogados são como “um bando de esquilos frenéticos a solta”.

 Ainda no Twitter, a produtora também respondeu a perguntas dos fãs sobre os possíveis conteúdos a serem incluídos no título após seu lançamento. Questionada se Battlefield Hardline receberia aviões em algum momento do futuro, a empresa afirmou ainda não há planos para isso, mas que ainda existe essa possibilidade caso tais veículos se encaixem na temática de algum DLC. Enquanto isso, os fãs terão que se contentar com helicópteros.

O Beta de Battlefield Hardline deve ser liberado para o público a partir desta terça-feira (3), e continuará disponível até o próximo domingo (8) no PC, PlayStation 4, PS3, Xbox One e Xbox 360 – e vale notar, aliás, que você já pode fazer o pré-carregamento do game na sua plataforma. A versão final do jogo tem lançamento previsto para as mesmas plataformas no dia 17 de março na América do Norte.

Cupons de desconto TecMundo: