Se você é um jogador, provavelmente convive, a cada partida, com os créditos das produtoras que aparecem quando se inicia um game. Mas você já parou para pensar como as pessoas que fundaram essas empresas chegaram ao seu nome? O Baixaki Jogos sim, e vamos revelar várias curiosidades em relação às designações das companhias.

Por exemplo, a Bandai foi fundo buscar sua inspiração: se baseou em um provérbio que aparece em um dos sete textos militares clássicos da China, mesma coleção de que saiu "A Arte da Guerra", de Sun Tzu. Outros casos são um pouco decepcionantes, como o nome da Blizzard que não contém nenhum significado oculto, segundo o executivo-chefe da companhia.

Já a icônica Atari tirou seu nome de um termo do Go, um jogo de tabuleiro japonês, cujo significado é similar ao xeque no xadrez. Nolan Bushnell, um dos fundadores da companhia, voltaria a se inspirar na atividade lúdica para nomear outra empresa: a Sente (significa "aquele que tem a iniciativa").

A seguir, descubra a origem dos nomes de 47 produtoras e publicadoras de games:

3D Realms – Originalmente chamada Apogee, a produtora famosa por Duke Nukem recebeu esse nome inspirado pelas novas técnicas de perspectiva dinâmica presente nos games, os chamados gráficos poligonais ou "3D", lá pelos meados da década de 90.

Activision – De acordo com David Crane, um dos fundadores da companhia, a ideia partiu de Jim Levy, também um membro original da empresa, que juntou as palavras "active" (ativo) e "television" (televisão). Mas há rumores de que o nome foi escolhido para aparecer na lista telefônica antes da Atari. A designação original da produtora havia sido VSync.

Atari – O nome original da famosa companhia de games era Syzygy (que descreve o alinhamento de três corpos celestes, como o Sol, a Lua e a Terra). Mas já existia uma empresa com esse nome, então o cofundador Nolan Bushnell listou vários termos do clássico jogo de tabuleiro Go, tendo sido escolhido o nome Atari, que equivale mais ou menos ao "xeque" do xadrez.

Atlus – A lenda diz que o nome foi escolhido para aparecer no começo da lista telefônica e também tirado de um dos titãs da mitologia grega, Atlas. A mudança para Atlus se deve ao fato de que a palavra pode ser escrita em oito pinceladas. Esse é um número que os japoneses acreditam que dá sorte.

Bandai – Vem do provérbio "bandai fueki", que ilustra a imutabilidade das coisas. As palavras foram tiradas de uma das obras dos sete textos militares clássicos da China (um deles é o famoso "A Arte da Guerra ", de Sun Tzu).

BioWare – Segundo Ray Muzyka, trata-se de uma referência irônica aos fundadores, que são todos médicos, mas também significa "software para humanos". O logo original tinha uma mão humana e outra de robô, com a ideia de interface entre as duas pontas.

Black Isle – Esse é o nome de uma península da Escócia de onde vieram os antepassados de Feargus Urquhart, fundador da companhia.

Blizzard – A companhia se chamava Silicon & Synapse, mas em 1994 mudou o nome para Blizzard Entertainment. Segundo Mike Morhaime, não há um significado especial para o nome. A palavra, que significa "nevasca", foi escolhida de uma lista tirada do dicionário e depois submetida ao feedback dos funcionários e do departamento legal.

Bullfrog – "Minha filha Louise tinha uma fixação por sapos, e Bullfrog (rã-touro) parecia ser um nome maluco que uma empresa poderia ter", explica Les Edgar, parceiro de Peter Molyneux, ao "Replay: The History of Video Games".

Capcom – A companhia já se chamou Capsule Computer, cuja proposta era criar uma experiência de jogos que superasse a dos computadores pessoais, que vinham com grande força na década de 80. A cápsula em questão tem o significado de um contêiner de diversão, ao mesmo tempo em que protegia o conteúdo da ameaça da pirataria. Mais tarde, o nome foi contraído para Capcom.

Coleco – A fabricante de um dos concorrentes do Atari tirou seu nome da designação original da companhia, pegando as primeiras sílabas: Connecticut Leather Company. A empresa fundada em 1932 tinha como negócio principal a fabricação de couro, mas entrou no ramo dos video games em 1976.

Double Fine – Tim Schafer conta que na ponte Golden Gate havia um letreiro indicando uma zona de "double fine", ou seja, onde o valor das multas era dobrado. "Escolhi engenhosamente o nome Double Fine para que as pessoas pensassem que não apenas compramos publicidade no local que deve ser o mais caro letreiro da Califórnia como também dominamos a cidade de São Francisco para que seja declarada uma zona 'Double Fine'", escreveu Schafer, em tom de piada.

Electronic Arts – O nome original era Amazin' Software. Mas Trip Hawkins, fundador da companhia, queria reconhecer os jogos como uma forma de arte e mudar para SoftArt. No entanto, uma empresa chamada Software Arts pediu para que não usassem esse termo. Em uma reunião com funcionários e uma agência de marketing externa, decidiu-se por Electronic Arts.

Enix – É uma mistura dos termos "Eniac", o primeiro computador eletrônico feito no mundo, e "fênix", a ave mitológica que renasce das próprias cinzas.

Gaikai – Segundo David Perry, um dos fundadores da companhia, Gaikai é uma palavra japonesa que significa "grande espaço aberto", como um oceano, em que você pode ir para várias direções. "É isso que os jogos em nuvem permitem", acredita.

HAL Laboratories – Deriva de IBM (basta pegar cada uma das letras e retroceder uma casa no alfabeto). O intuito é estar na frente da gigante corporação da tecnologia da informação.

Hudson Soft – Um dos fundadores da produtora, Yûji Kudô, era fã de trens e tirou o nome a partir da classificação da locomotiva japonesa C62. A disposição dos eixos desse trem a vapor tinha o nome de Hudson, cuja nomenclatura foi tirada dos veículos sobre trilhos que corriam às margens do rio Hudson, nos EUA.

Infinity Ward – O nome da companhia famosa pela franquia Call of Duty não significa "absolutamente nada", segundo Vince Zampella, um dos fundadores do estúdio. Para ele, esse foi um dos termos "menos horríveis" que surgiram na discussão, e ele até pretendia rejeitar a proposta.

Insomniac Games – A companhia começou com Xtreme Software, mas já existia uma empresa com esse nome. Entre os termos propostos, um dos preferidos do presidente Ted Price era Ice-9, que vinha de um livro de Kurt Vonnegut, mas essa expressão também estava em uso. Pouco antes do prazo para registrar a produtora, surgiu o nome Insomniac, o que fazia sentido para eles, que não estavam dormindo muito.

Irrational Games – Segundo Ken Levine, a companhia quase se chamou Underwater Horse, por causa de um jogo de tabuleiro supercomplexo. No final, Irrational foi o nome que todos detestaram menos.

Koei – O nome vem do desejo de que a companhia seja "brilhante" (kou) e "próspera" (ei).

Konami – A tese mais aceita é que se trata da primeira sílaba dos sobrenomes dos fundadores: (Kagemasa) Kouzuki, (Yoshinobu) Nakama e (Tatsuo) Miyasako. No entanto, a companhia afirma que o nome significa "onda pequena", para ilustrar sua estabilidade. De fato, o logotipo antigo tinha duas tiras onduladas.

Level-5 – O logotipo da empresa tem um "V" destacado, o número 5 em romano. O caractere tem três significados: a primeira é a disposição de criar jogos "5 estrelas", a segunda vem da "visão de futuro" e a terceira imprime a vontade de "vitória" frente a novos negócios.

Microsoft – A tese mais aceita é que o nome surgiu da junção entre "microcomputador" (ou "microprocessador") e "software", isso lá em 1975.

Namco – A empresa se chamava Nakamura Amusement Machine Manufacturing Company, que tirou o nome do fundador da companhia, Masaya Nakamura. Em 1971, foi criada a marca Namco a partir da contração da designação da produtora, que depois passou a se chamar assim.

Naughty Dog – A produtora famosa por Uncharted ganhou esse nome, traduzido como "cão desobediente", pelo fato de os fundadores Jason Rubin e Andy Gavin serem amantes de cachorros. Rubin até levava seu dog para o trabalho. A tradição hoje é mantida pelos presidentes Evan Wells e Christophe Balestra.

Nintendo – Não se sabe ao certo a origem do nome da casa de Mario. Hiroshi Yamauchi, presidente da companhia entre 1956 e 2002 e bisneto do fundador, acreditava que o termo significava "deixar (nin) a sorte para o céu (ten)". Sendo uma empresa que fabricava cartas, também usadas para jogos de azar, faz muito sentido.

Obsidian – O cofundador Feargus Urquhart procurava por um nome forte e que as pessoas lembrassem. Entre propostas como Three Clown Software e Scorched Earth, o nome Obsidian, que é uma espécie de vidro vulcânico, foi o único que não foi considerado idiota.

Platinum Games – O nome foi tirado do metal nobre, a platina. Exprime o desejo de ter a alta qualidade do material aliada ao fato de que ele não se degrada (é o metal de transição menos reativo de todos).

Polyphony Digital – "Polifonia" significa conjunto harmonioso de sons. O intuito é ter talentos com personalidades diversas trabalhando em comunhão. O "digital" exprime o desejo de quantificar o universo, tornando-o manipulável.

PopCap – O nome original da companhia era Sexy Action Cool, mas, como isso não combinava com uma empresa que queria fazer jogos para família, os fundadores pensaram em algo que começasse com "pop", que soava bem. Tentaram várias combinações até chegarem a PopCap, o primeiro domínio de internet disponível que acharam.

Riot Games – "Soou muito mais legal que os outros nomes e reflete bem a imagem que queremos passar. Somos um grupo de jovens que trabalha duro, joga sério e ama se divertir", explica Marc Merrill, presidente da casa de League of Legends, ao site Joystiq. "Riot" quer dizer "motim", "tumulto", "distúrbio" e coisas assim.

SEGA – Na década de 50, a companhia trabalhava com máquinas como caça-níqueis e se chamava Service Games. Da contração do nome, surgiu a SEGA.

Sente – Essa foi a empresa que Nolan Bushnell fundou quando terminou seu contrato de não concorrência depois que saiu da Atari. Como esta, o termo vem do jogo de tabuleiro Go e significa "aquele que tem a iniciativa".

Sierra Entertainment – A companhia fundada como On-Line Systems recebeu esse nome depois que mudou para Oakhurst (Califórnia), que fica aos pés da cadeia de montanhas Sierra Nevada.

Sledgehammer Games – "Para nós, o nome Sledgehammer (marreta) e o logotipo se encaixaram – é algo que deixa sua marca e é isso que pretendemos fazer", explica Glen Schofield, administrador-geral da companhia.

Sony – A inspiração veio do latim "sonus" (som) e do termo "sonny", que designa um "garotinho" em inglês. A companhia queria um nome simples e que pudesse ser lido facilmente em qualquer país do mundo.

Square – O nome vem de um jeito de segurar um taco de golfe, que permite uma trajetória reta. A nomenclatura embute uma filosofia empresarial de encarar os problemas de frente e também tem o significado de praça em que se reúnem os criadores de jogos.

Sucker Punch – Os fundadores da companhia trabalharam na Microsoft, onde há regras rígidas para dar nome aos projetos. Sendo assim, eles fizeram uma lista de nomes que seriam proibidos no antigo emprego. A esposa de Chris Zimmerman, um dos idealizadores do estúdio, rejeitou o Sucker Punch. "Chegamos à conclusão de que a melhor maneira de escolher um nome que um moleque de 14 anos ache 'irado' seria um termo inaceitável para uma mulher amorosa e talentosa de 38 anos", explicou Zimmerman ao Joystiq.

Taito – A companhia foi fundada por Michael Kogan, um judeu de origem ucraniana. O nome da empresa vem da abreviação em japonês de "Kyokutô no Yudaya Jin", que, traduzindo, significa "O judeu do Extremo Oriente".

Tengen – O braço de video games domésticos da Atari Games teve seu nome inspirado, como a empresa-mãe, de um termo de Go, um jogo de tabuleiro japonês. "Tengen" se refere ao ponto central do tabuleiro de Go.

THQ – Vem de Toy Head-Quarters, da época em que ainda era uma fabricante de brinquedos.

Ubisoft – Vem da junção entre "Union des Bretons Indépendants" e "software". Por que "união dos bretãos independentes"? Porque os cinco fundadores, os irmãos Guillemot, são da região da Bretanha, na França.

Visceral Games – "Eu realmente queria um nome que tivesse real significado para nosso estúdio", diz Glen Schofield, ex-gerente-geral da empresa ligada à Electronic Arts. "A (palavra) 'Visceral' funcionou perfeitamente, pois era um termo que usávamos para descrever a sensação que queríamos para o nosso (sistema de) combate".

WayForward – Segundo o fundador Voldi Way, o nome veio da empresa de Gordon Way, personagem que aparece no livro "Dirk Gently's Holistic Detective Agency", de Douglas Adams.

Xseed JKS – "Nosso presidente viu em um evento japonês para empresários uma história sobre plantar a semente para ser a fundação de um novo negócio", afirma Ken Berry, porta-voz da companhia. Então, o nome deveria ter "seed" ("semente" em inglês). Só que havia muitas empresas que possuíam esse nome, e uma das ideias foi adicionar "ex" na frente, para incluir o significado de "exceder" (as expectativas, no caso). No final, ficou Xseed e, para deixar de ser muito genérico, foram acrescentadas as iniciais dos seis fundadores, JKS (quatro deles começavam com a letra K).

Zynga – A outrora gigante dos games sociais tirou seu nome de um cachorro. No caso, era um buldogue americano de Marcus Pincus, fundador da companhia, que se chamava Zinga. Isso explica o logotipo.

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: