A plataforma digital Steam está tomando medidas drásticas para combater a instabilidade econômica de alguns países. De acordo com uma série de relatos, ela colocou uma trava de região temporária que impede que compras sejam feitas em versões de outros países da loja.

A medida não afeta todo o planeta. Isso significa apenas que estrangeiros não podem mais acessar a versão do Steam de países como Rússia, Indonésia, alguns países do sudeste da Ásia e até o Brasil para comprar games muito mais baratos do que em suas próprias regiões. Todos eles foram considerados economicamente instáveis em relação à cotação do dólar — e a conversão direta estava tão baixa que valia muito mais a pena comprar pela loja desses locais do que pela moeda dos Estados Unidos.

Como medida cautelar, o Steam estabeleceu que as travas de regiões funcionarão somente nesses países enquanto a loja realiza novas análises de mercado. Apenas compras feitas a partir de agora serão afetadas e um aviso antes de qualquer aquisição (seja de games ou presentes) aparecerá para os consumidores interessados.

Rússia com problemas

A situação da Rússia é de longe a mais complicada. Os juros do país estão em alta, mas a moeda local, o rublo, não para de desvalorizar. Por isso, jogos comprados no Steam russo saem absurdamente mais baratos do que em qualquer outro Steam — e muitos espertinhos estavam usando ferramentas para acessar a versão russa do Steam, tirar vantagem das ofertas e levar por uma pechincha games de até US$ 60.

A Apple também já bloqueou as vendas da loja virtual do país por tempo indeterminado, ou seja, até que a situação econômica do país seja controlada.

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: