As tavernas de Azeroth abriram as portas para todos os aventureiros que gostariam de uma partida de Hearthstone: Heroes of Warcraft, o novo jogo de cartas gratuito da Blizzard. Misturando estratégia com a simplicidade, o game foi mais do que recomendado pela análise do BJ, divertindo a todos os viajantes com um ambiente leve e partidas rápidas.

Apesar da mecânica simples e intuitiva, o jogo ainda guarda na manga muitos elementos estratégicos e detalhes que podem levar um tempo para serem dominados pelos iniciantes. Para isso, passamos por muitos desafios pelas tavernas de Azeroth e preparamos algumas dicas importantes para você se sair melhor nos próximos confrontos de cartas e se tornar o melhor jogador da mesa.

1. Conheça as classes

São nove heróis disponíveis em Hearthstone, e cada um apresenta cartas exclusivas e únicas para sua classe. Além disso, o estilo de jogo varia de acordo com a escolha, aproveitando as diferentes magias e feitiços heroicos para ajudar na vitória. Em resumo, os noves heróis apresentam as seguintes características:

O Guerreiro, o Ladino e o Paladino contam com várias cartas de equipamentos, além de feitiços para dar dano aos lacaios e heróis adversários. Enquanto Garrosh prefere a batalha física e trabalha com efeitos para aumentar o dano dos guerreiros feridos, Valira utiliza muitas magias de dano direto e Combos, que são efeitos ativados depois de jogar uma carta no turno. Uther, por sua vez, prefere ampliar os atributos dos lacaios invocados.

O Xamã utiliza poderosos feitiços e cartas com Sobrecarga, que impossibilita que você utilize um número específico de mana no turno seguinte. Além disso, também invoca totens com diferentes efeitos, como aumentar o dano dos lacaios ao redor deles, comprar cartas ou ainda curar os monstros do campo.

O Mago é a classe que mais se utiliza de feitiços, controlando o campo de batalha com magias de dano direto ou com efeitos especiais de Congelamento, cortando uma ação do personagem afetado. Em compensação ao Mago, o Sacerdote prefere contar com muitas magias de cura, controlando o tabuleiro a partir do suporte aos lacaios invocados.

O Druida é uma das classes versáteis, podendo utilizar tanto feitiços de dano, cura ou amplificação. Suas cartas também contam com efeitos que podem ser escolhidos de acordo com a situação, como invocar um lacaio no campo ou aumentar os atributos dos monstros já invocados.

O Bruxo se utiliza de magias e lacaios poderosos que o fazem descartar outras cartas da mão. Seu poder heroico combina com esse estilo de jogo, que sacrifica pontos de vida para comprar novas cartas.

Por último, o Caçador é o que mais aposta na batalha física e na invocação de lacaios, contando com muitas Feras em seu deck que apresentam efeitos que se ligam aos demais monstros do mesmo tipo.

Focar em uma classe é um passo inicial importante, pois em pouco tempo você conhecerá as possibilidades dos demais heróis e saberá reagir com mais facilidade contra as diversas estratégias do jogo.

Além disso, escolher um estilo que lhe agrada também é fundamental para se adaptar facilmente para as situações – pois um jogador mais agressivo com certeza estará mais confortável utilizando o Guerreiro ou o Ladino, assim como um mais cuidadoso vai preferir o Sacerdote.

2. Analise constantemente seu deck

Assim que tiver conhecido todos os heróis e escolhido uma classe para iniciar os confrontos, está na hora de conhecer as possibilidades que ela oferece. A primeira sugestão é abrir a coleção e ver todas as cartas exclusivas e como elas podem criar boas combinações com as cartas comuns.

Alguns sites, como Hearthpwn e GosuGamers, oferecem ferramentas para que os jogadores criem e publiquem decks para que todos possam analisar. Embora muitas das sugestões sejam compostas de cartas mais raras, há também aquelas que são voltadas aos iniciantes, conhecidas como “Low Budget”. Estas combinações são geralmente formadas por cartas mais comuns ou mesmo que não precisam de tanto “pó arcano” para serem fabricadas.

Com o tempo e a abertura de pacotes, será mais fácil de inserir cartas raras e com efeitos que criem uma sinergia mais elaborada com os demais monstros e feitiços. Para isso, abaixo vão algumas dicas de como conseguir mais ouro para comprar mais pacotes e turbinar os seus decks.

3. Busque pelas recompensas

Hearthstone oferece a possibilidade de trocar 100 peças de ouro por um pacote de cartas, ou ainda utilizar de dinheiro real para comprá-los. Cada booster terá pelo menos uma carta rara ou superior, aumentando as chances de conseguir aquele feitiço ou lacaio que tanto deseja.

Se não quiser utilizar de dinheiro real para comprar os pacotes, Hearthstone oferece missões diárias para que você ganhe pacotes de 40, 60 ou 100 de ouro. Estas missões podem ser concluídas rapidamente, como vencer duas ou cinco partidas com algumas classes específicas, ou ainda invocar um número determinado de lacaios em campo.

Três vitórias também garantem a modesta quantia de 10 de ouro, mas cada jogador é limitado a receber 10 vezes esta quantia diariamente. No entanto, este pequeno bônus demora para ser convertido em um pacote, sendo mais interessante que você foque nas missões que o jogo oferece.

Além disso, o título disponibiliza “missões secretas” – uma coletânea de bônus que Hearthstone oferece ao jogador depois de cumprir certos requisitos. Buscar estas recompensas é interessante para os novatos, pois garantem boas quantias de ouro e outros bônus. Ficou interessado? Pois aqui vão os principais:

  • Desbloquear todos os heróis: 100 de ouro.
  • Jogar três partidas no modo de jogo: 100 de ouro.
  • Vencer 100 partidas em qualquer modo: 300 de ouro.
  • Vencer 1000 partidas em qualquer modo: 300 de ouro.
  • Derrotar todos os oponentes IA: 100 de ouro.
  • Coletar todas as cartas básicas: 100 de ouro.
  • Entrar na Arena: uma entrada gratuita para a Arena - guarde essa para depois!

4. Tenha em mente a condição de vitória

Busque montar seu deck sempre pensando em como ele vai tirar todos os 30 pontos de vida do herói adversário. Afinal, não adianta invocar cartas lendárias e poderosas se você vai perder no próximo turno.

Fazer escolhas faz parte do jogo, e você deve considerar qual será a mais favorável para você de acordo com a situação da partida. Um exemplo disso é quando o oponente colocou em campo uma poderosa carta, mas os pontos de vida dele estão baixos – talvez não seja a melhor opção gastar sua magia de dano para finalizar aquele lacaio. Tudo vai depender de como você construiu seu deck e como ele pode operar para finalizar aquele adversário.

5. Preveja as cartas do adversário

Com o tempo, você vai identificar quais são as cartas possíveis nos decks dos adversários e desconfiar quando ele estará guardando um feitiço especialmente para destruir aquele lacaio poderoso ou limpar o campo de monstros fracos. Cartas assim geralmente são exclusivas para os heróis, e trabalhar com esse fator será importante para tirar vantagem da sua previsão.

Um exemplo comum desta situação é quando você conta com um lacaio poderoso na mão e está jogando contra um mago. São grandes as possibilidades dele contar uma magia de dano direto ou uma Polimorfia (que transforma seu monstro em uma Ovelha 1/1), então é bem mais estratégico jogar um lacaio mediano para pressioná-lo a usar os feitiços neste monstro mais fraco.

6. Arrisque a sorte na hora certa

Hearthstone, de uma forma diferente dos outros jogos do gênero, conta com muitas cartas com efeitos que dependem da sorte, como disparar magias entre lacaios aleatórios ou uma porcentagem de chance de comprar cartas adicionais no turno.

Trabalhar com estes efeitos pode causar situações favoráveis ou desfavoráveis, e saber quando arriscar é importante para conquistar uma vantagem importante durante a partida.

Um dos clássicos casos em que se arrisca a sorte no início do jogo é quando se invoca o Bombardeiro Louco, que causa três pontos de dano em qualquer personagem no tabuleiro. Isso pode finalizar o adversário, mas também assassinar seu monstro fraco no campo com um efeito interessante.

É importante ressaltar que estudar as possibilidades é sempre necessário para determinar quando apostar na sorte. No entanto, há casos de vitória ou derrota, e colocar o lendário Asa da Morte, que limpa o campo para o poderoso dragão e descarta todas as suas cartas, é rezar para que aquele adversário com poucas cartas não compre justamente aquela que vai fazê-lo ganhar.

É pouco aconselhável ficar sem cartas na mão. Situações assim são favoráveis para o adversário, que contará com muitas possibilidades de controlar o campo, enquanto você dependerá daquela única carta que virá a cada novo turno. Evite essa situação – a menos que este caso seja crucial para atingir a vitória.

7. Estude as melhores escolhas da Arena

A Arena reserva recompensas ambiciosas para quem já está acostumado com as mecânicas e as possibilidades de Hearthstone. Pagando 150 de ouro (ou R$ 4,50), é possível montar seu deck sempre escolhendo entre três possibilidades de heróis e cartas.

Com três derrotas, o seu deck será eliminado da Arena, e as vitórias neste período determinarão a qualidade – e a quantidade – das recompensas. Entre os bônus estão pacotes de cartas, ouro, pó arcano e cartas douradas ou lendárias.

Com um pouco de sorte, é possível ser premiado com cartas muito efetivas para as partidas deste modo – e saber quais são as melhores escolhas é fundamental para aumentar as chances de vitória.

Muitos jogadores se dedicam a estudar continuamente as melhores cartas da Arena, organizando rankings para definir quais serão as boas escolhas para um deck genérico. Procurar por uma dessas listas pode ajudar os novatos na hora de montar as primeiras combinações para o modo, e, caso precise de indicações, a Tier List do jogador profissional Trump pode ser um bom início.

Lacaios com atributos equilibrados (como o Yeti Ventogelante) e feitiços de controle de campo geralmente são cartas que podem cair bem para qualquer combinação. No entanto, vale sempre ressaltar que a sorte nem sempre pode ajudar com as cartas, e sua obrigação é pensar em como harmonizar o deck mesmo com escolhas menos comuns.

A Arena, assim como todo o Hearthstone, vai ganhando cada vez mais profundidade quanto mais se experimenta as estratégias do jogo. Esperamos que, com essas dicas, você se sinta mais confortável e motivado para desafiar os próximos aventureiros da taverna – até, quem sabe, este humilde redator, que também se diverte por Azeroth de vez em quando. Nos vemos por lá!

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: