Na última terça-feira (4), a gigante chinesa Tencent anunciou que vai restringir o acesso de crianças a Honor of Kings, um de seus maiores sucessos. Segundo a empresa, a decisão surge como forma de acalmar pais preocupados com o fato de que seus filhos estão passando muito tempo em frente ao título.

A partir de agora, menores de 12 anos só vão poder jogar uma hora diária, enquanto aqueles que têm entre 12 e 18 anos estão limitados a duas horas por dia. Além disso, quem tem menos de 12 anos de idade não poderá mais jogar o game a partir das 9 horas da noite no horário local.

“Não há regras para prevenir a indulgência em jogos online na China, mas decidimos ser a primeira a tentar acabar com as preocupações de pais ao limitar o tempo de jogo e forçar as crianças a fazer o logoff”, afirmou a Tencent em seu canal oficial no WeChat. A resposta veio após o diário estatal People's Daily criticar a companhia e classificar seu game como “venenoso” — o que fez com que as ações da Tencent caíssem bastante.

Segundo a companhia, o MOBA Honor of Kings tem 200 milhões de jogadores únicos, a maior parte deles espalhada pelo território chinês. Mais popular do que Pokémon Go, o título atualmente ocupa a primeira posição entre os jogos mobile mais lucrativos do mundo — caso o nome Tencent seja desconhecido, basta levar em consideração o fato de que ela tem uma grande fatia da Riot Games, responsável pelo sucesso League of Legends.

Via TecMundo Games

Cupons de desconto TecMundo: