Sabe aquela imagem promocional de Grand Theft Auto V com uma moça loira de biquini vermelho fazendo o sinal de "V" em uma das mãos e segurando o celular na outra? A atriz Lindsay Lohan achava que a personagem era um uso não autorizado de sua imagem e, desde julho de 2014, estava com um processo em andamento contra a Rockstar Games e a distribuidora Take-Two.

Agora, uma corte de Nova York finalmente decidiu encerrar o caso, confirmando a vitória na Justiça para Grant Theft Auto V. Segundo o juiz responsável, não há qualquer indicativo de que a personagem é baseado na atriz. Segundo o texto final, "a defesa não usou nome, retrato ou fotografias" de Lohan ou fez qualquer referência à ela, que não possui qualquer vínculo com a empresa.

"História, personagens, diálogos e ambientes únicos deste jogo, combinados com a habilidade do jogador de escolher como proceder no game, caracterizam ele como um trabalho de sátira e ficção", finaliza o documento.

Lacey precisa de ajuda no game para despistar paparazzis. E aí, você encontra alguma semelhança?

O processo inicial dizia respeito às imagens do material promocional do título, que seriam "plágio" da imagem da atriz. Só que a acusação ainda envolvia o fato de que a personagem Lacey Jonas, que você encontra em determinado momento do game, seria totalmente baseado na vida e na aparência de Lohan.

Via TecMundo Games.

Cupons de desconto TecMundo: