Parece que a temática futurista não é mais aquilo que os fãs buscam na franquia Call of Duty. Na verdade, isso ocorre já há algum tempo, talvez desde os idos da palavra "Warfare" estampando a série, que também se respalda em linhas como Black Ops, Ghosts e World at War. Aliás, é da Segunda Guerra Mundial que todos sentem falta e é por ela que os fãs clamam. Sem papas na língua, eles detonaram o trailer de anúncio de Call of Duty: Infinite Warfare, a nova entrada da franquia, que novamente aborda a temática futurista.

Com mais de 300 dislikes, o vídeo foi recebido com uma chuva de críticas pelos usuários no YouTube, que não mediram palavras para tecer comentários negativos sobre o game. "Vamos começar um boicote em jogos futuristas de CoD!", exclama um deles. Um pouco adiante, o usuário "NameXTheGamer" escreve uma minicarta pedindo aos desenvolvedores que repensem sua estratégia – e olha que estamos falando da Infinity Ward, responsável pelo sucesso Modern Warfare e muito querida pelos fãs.

"Queridos desenvolvedores, por que vocês não entendem que não queremos esses jogos 'modernos'? Queremos jogos normais, padrão, com modos tradicionais, com ótimas histórias e armas que não estão 60 anos à frente de nosso tempo", diz.

Usuários querem mudanças na série

Usuários da defesa

Alguns tentam ponderar sobre esse aspecto futurista dos últimos jogos da franquia e dizem que essa tem sido uma fórmula de sucesso. "Como uma pessoa que gosta de campanhas em jogos (e a Infinity Ward é sempre muito boa com isso), eu espero algo bom", relata Jakob Aylesbury.

"O trailer parece bom, a campanha parece divertida. As campanhas de CoD sempre foram imersivas, e essa parece boa também. (...) O que me incomodou um pouco foi terem ido ao espaço, eles simplesmente deixaram a atmosfera", equilibrou o jogador "aedelya".

O espaço não é novidade faz algum tempo...

Fãs dizem ser "DLC de Star Wars: Battlefront"

O usuário "crooks", assim como outros na seção de comentários, entende que Infinite Warfare mais parece um novo DLC de Star Wars: Battlefront. "A meu ver, esse é um novo DLC de Star Wars Battlefront", opinou. "Por favor, nos deem World at War 2", clamou Kyle Rogers.

Semelhanças com Battlefront foram citadas por fãs como forma de crítica

Segunda Guerra Mundial: quando você volta?

A temática futurista permeia há muito tempo o mercado. Todo mundo entrou na onda: Call of Duty, Battlefield, Halo, Destiny e outros. Referências não faltam para o gênero. Wolfenstein: The New Order, por exemplo, apostou na fórmula clássica, usou a Segunda Guerra Mundial como pano de fundo e deu muito certo – justamente por mesclar o velho com o novo de forma competente. Quem não se lembra dos cachorros mecânicos e dos inimigos robóticos naquele cenário caótico?

Enfim, aguardemos a repercussão disso. Enquanto isso, dê a sua opinião para nós: você acha que a indústria está saturada de shooters futuristas? Acredita que está na hora de voltarmos para a Segunda Guerra Mundial? Opine na seção destinada aos comentários, logo abaixo.

Novo Call of Duty é recebido negativamente por jogadores Discuta o assunto no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: