O Japão, sem sombra de dúvidas, é uma terra na qual podemos encontrar acessórios dos mais variados. Aliás, essa não é uma tendência recente, pois mesmo no passado era comum se deparar com alguns itens que sequer sonhavam em dar as caras em outros cantos do globo – e entre eles está o Hyper Shot, item para NES criado pela Bandai com o formato de uma metralhadora. 

O vídeo que você encontra na abertura desta notícia dá uma ideia de como ele funciona. Além do gatilho, o periférico também conta com os botões Start, Select, B e até mesmo uma alavanca para movimentar o personagem que está na tela (o apresentador do vídeo inclusive comenta que ficou surpreso com a resposta do analógico, e é possível vê-lo jogando Super Mario Bros. em um momento da gravação). 

Por falar em jogos, o acessório funciona normalmente em títulos que oferecem suporte a itens como a pistola Zapper, como Duck Hunt. Porém, apenas um jogo foi produzido pensando em usar todos os recursos presentes no Hyper Shot: Space Shadow. Lançado em 1989, aqui é preciso eliminar inimigos variados utilizando a arma, e este é o único game que dá acesso a uma funcionalidade conhecida como Body Vibration System, que faz a arma oferecer uma espécie de recuo quando você atira (é preciso usar pilhas para conferir essa opção), e aos alto-falantes embutidos no “brinquedo”. 

Não é preciso pensar muito para descobrir os motivos que levaram a Nintendo a descartar a possibilidade de lançar o Hyper Shot na terra do Tio Sam, já que o periférico possui o formato de uma arma real (ou ao menos lembra uma). Porém, a pergunta que fica no ar é: você teria comprado um desses caso fosse disponibilizado por essas bandas no passado?

Qual é o seu acessório favorito dos consoles das gerações passadas? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: