Um dos serviços mais fundamentais a quem faz uso das tecnologias eletrônicas é, certamente, o conjunto de ferramentas de notificações. E não apenas alertas sobre atualizações de softwares ou acerca de notificações novas em redes sociais podem ser verificadas a partir desses aplicativos; se a carga de trabalho de um computador estiver prestes a entrar em colapso, é providencial que um rápido aviso seja emitido por um mecanismo qualquer.

Com isto em mente, a companhia Thing M desenvolveu um dispositivo capaz de emitir notificações pode meio de alertas luminosos. Encaixado via USB junto a um computador, o blink(1) pode ser configurado para ilustrar a execução de várias tarefas: cores diferentes podem, por exemplo, alertar usuários a respeito de atualizações feitas em contas emparelhadas junto ao Facebook, Twitter ou a perfis de email determinados.

A carga de trabalho de CPU pode também ser monitorada por meio de blink(1): se seu processador ficar sobrecarregado, a cor vermelha poderá ser emitida pelo pequeno dispositivo. As notificações podem ser programadas a partir da linguagem IFTT; significa, assim, que usuários podem conectar diferentes apps por meio do serviço – o que permite a automatização de alertas de atualizações de serviços digitais.

O discreto e providencial acessório USB conta, naturalmente, com um software nativo que possibilita a escolha de quais funções deverão ser monitoradas. Mas blink(1) admite também que desenvolvedores fiquem à vontade para estender as tarefas do acessório de código aberto – a Thing M oferece uma miríade de APIs, facilitando, assim, o trabalho de quem deseja trabalhar às custas de linguagens variadas de programação. Clique aqui e leia mais acerca de blink(1), que já pode ser adquirido por US$ 30 (cerca de R$ 70, em conversão direta).

Cupons de desconto TecMundo: