A portabilidade em sua concepção original, isto é, caráter daquilo que é portátil, é hoje um fator de unânime importância, ainda que possamos amar as geringonças em telas cada vez maiores que o mercado empurra em nossa cadeia de consumismo.

Por mais que um item singelo como um cabo possa ser simples e fácil de ser carregado pra lá e pra cá, às vezes é desagradável desembolar o dito cujo no meio das coisas para recarregar a bateria de seu tablet ou smartphone (e é cada vez mais comum fazer essa recarga em qualquer lugar). Por que não criar cabos USB que sejam tão finos a ponto de serem usados como chaveiros – e bonitos, de lambuja? Foi nisso que a LifeLink pensou.

Tão finos quanto cartões de créditos e disponíveis em três versões, os dois conectores USB formam um par que numa extremidade tem um conector USB padrão e, na outra, um microUSB ou conector de 30 pinos. Em outras palavras, praticamente qualquer smartphone em circulação no mercado é compatível com os simpáticos conectores.

Se por um lado os cabos tradicionais podem parecer finos ou frágeis demais, os da LifeLink são revestidos em material Teflon, o que deve assegurar firmeza e fazer valer os US$ 24 cobrados pela empresa para quem quiser os conectores.

E não é que ainda por cima são bonitos?

Cupons de desconto TecMundo: