Usuários que ficam no Twitter diariamente e seguem centenas de pessoas – ou alguns poucos amigos empolgados nas postagens – podem se preparar para ter uma timeline bem mais “animada” daqui para frente. Isso porque a empresa decidiu que não é mais necessário apertar clicar com o mouse no PC ou tocar a tela do seu smartphone para assistir a vídeos, Vines e GIFs integrados ao sistema. Efetivamente, a mudança faz com que, a partir desta terça-feira (16), esse material seja reproduzido automaticamente.

Inicialmente, a medida tem efeito apenas nas plataformas web e iOS do Twitter – com uma atualização para Android sendo prometida logo mais. É quase certo que uma parcela do público “xingue muito” a funcionalidade, mas a verdade é que algo do tipo já ocorre em uma série de outras redes sociais há um bom tempo, como é o caso da reprodução de clipes no Facebook e Instagram. Assim como nesses dois exemplos, o autoplay do microblog inicia as produções no mudo – evitando sustos em trocas de abas no navegador, por exemplo.

Segundo uma postagem feita no blog oficial da companhia, a ação vai possibilitar que os internautas não percam notícias e publicações importantes que estejam em formato dinâmico. Durante os testes da função de reprodução automática, a empresa notou um engajamento muito maior das pessoas quando a produção já estava rolando na linha do tempo. Porém, não pense que o Twitter está querendo poupar calorias de seus usuários na hora de interagir com o serviço. Os principais beneficiados pela iniciativa são – claro – os anunciantes.

Sim, afinal, as publicações pagas ou promovidas por parceiros serão acompanhadas por uma proporção muito maior do público do que a atual – ampliando em até 7x a visualização completa de anúncios em vídeo feitos na rede. Caso fique incomodado com a novidade, pode ficar tranquilo, você não será obrigado a assistir automaticamente a todos os clipes de gatinhos já capturados pela humanidade. Além de suspender o autoplay se a conexão de dados do seu celular for lenta, o Twitter permite que o próprio usuário opte por desabilitar o recurso.

No app para iPhone, é só ir até o seu perfil e tocar no ícone de engrenagem. Nesse menu, vá em “Configurações > Geral > Reprodução automática de vídeo” e selecione como se dará o uso da função. Se estiver acessando o site pelo navegador, basta clicar no ícone do perfil, selecionar a opção Configurações, ir em Conta e desmarcar “Reproduzir vídeos automaticamente” no item “Tweets de Vídeo”. O item está chegando em “ondas” – dependendo de fatores como cache e servidores –, mas deve estar à disposição de todos em breve.

Cupons de desconto TecMundo: