(Fonte da imagem: Divulgação/Twitter)

Apesar de não contar com publicidade em excesso (volta e meia aparecem termos nos “Trending Topics” ou tweets promovidos no seu mural), o Twitter está preocupado com o direcionamento de seus anúncios – e vai usar o “chute” para saber se você é homem ou mulher.

É isso aí: a partir de hoje, como o preenchimento da opção de gênero não é obrigatória na criação de perfis (isso poderia ser um problema para empresas, por exemplo), o Twitter terá que fuçar informações como seu nome e quem você segue para definir que tipo de anúncio é mais adequado para aparecer durante a navegação.

A partir disso, é possível enviar mensagens sobre cosméticos apenas para as mulheres, por exemplo. Em uma postagem no blog de publicidade da rede social, é dito que a taxa de acerto nesses palpites é de 90%, enquanto os outros 10% ficam de fora desse direcionamento.

Fonte: Twitter

Cupons de desconto TecMundo: