Antena parabólica

A GVT, uma das principais operadoras de telefonia fixa em território nacional, estuda há algum tempo o lançamento de um serviço para competir no mercado de TV via satélite.  Através de concorrência, contratou a Ericsson – mais conhecida no Brasil pela parceria com a Sony no mercado de celulares – para desenvolver o sistema que será utilizado.

Tecnologia sueca

A Ericsson é responsável por sistemas de TV via satélite em países como a Croácia, a Grécia e a Alemanha, com projetos que contemplam tanto IPTV – transmissão da programação pela internet – quanto DTH (“Direct to Home”, ou direto em casa, como é usado pela Sky e pela Via Embratel).

O papel da empresa sueca no projeto é desenvolver soluções de limitação de acesso a determinados conteúdos – para diferentes pacotes de canais e para pay-per-view, por exemplo –, vídeo sob demanda, EPG (“Electronic Program Guide” -  guia eletrônico de programação) e encoders – equipamentos para codificar o sinal que será enviado ao satélite.

Outros parceiros

Além da programação esperada – canais já tradicionais em televisão por assinatura – o objetivo da GVT em parceria com a Ericsson é oferecer algumas facilidades normalmente encontradas em sistemas IPTV como gravação remota da programação e recuperação de programas já exibidos, além de vídeo sob demanda e acesso a conteúdo online como o YouTube.

Com previsão de lançamento em 2011, o serviço ainda não foi batizado e ainda necessita do envolvimento de mais três empresas que também serão escolhidas através de concorrência. Estas parcerias envolvem a estrutura de transmissão e recepção dos programas, além da operação e infraestrutura de satélites necessárias para o funcionamento do serviço.

Satélite

A empresa fornecedora dos equipamentos set-top, que decodificam o sinal recebido pela parabólica do serviço, também ainda não foi escolhida pela GVT. Enquanto a Ericsson projeta o sistema de distribuição da programação, a GVT aguarda também a concessão da Anatel para distribuição de conteúdo via satélite. O pedido feito em agosto deste ano deve ser concedido até o fim de 2010.

Cupons de desconto TecMundo: